15 de junho de 2015
por esmael
4 Comentários

Fruet nega mais boquinhas ao PT

Conta um orelha seca do Blog do Esmael que o presidente municipal do PT de Curitiba, Natalino Bastos, esteve recentemente com o prefeito Gustavo Fruet (PDT). A missão do dirigente petista era arrancar algumas boquinhas a mais junto ao aliado.

Natalino foi investido da missão de “pacificar” o PT da capital. Segundo ele, na conversa com o prefeito, a legenda estava conflagrada, querendo romper a aliança, coisa que não comungava, mas nada que algumas nomeações não acalmassem a situação. Essa história foi confirmada com petistas de boa cepa.

O presidente do PT reivindicou a Secretaria Municipal do Abastecimento, que ficou vaga desde que Aldo Fernando Klein Nunes resolveu cuidar da nova empresa adquirida por R$ 12 milhões. A pasta é ocupada interinamente pelo ex-superintendente, Marcelo Franco Munaretto.

Pois bem, Gustavo Fruet ouviu o chororô de Natalino. Fez uma análise de conjuntura, não deu nenhum cargo, mas forneceu água e cafezinho; colocou no bolso o petista, que ainda saiu feliz da vida.

Secretamente, o prefeito pensa em Mário Milani para ocupar a Secretaria do Abastecimento. Petista histórico, o jornalista teria três predicados que precisa neste pré-2016: 1- é da FAO (Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação); 2- é da política; e 3- é da ala “pecleriana” (devoto do empresário Wilson Picler).