26 de maio de 2016
por esmael
19 Comentários

Golpistas fizeram o impeachment para não serem “comidos” pela Lava Jato

aecio_temer

Que crime de responsabilidade, que nada! Deputados e senadores golpistas fizeram o impeachment da presidente eleita Dilma Rousseff, na Câmara e no Senado, para não serem “comidos” – usando a expressão das gravações do delator Sérgio Machado, ex-tucano que presidia a Transpetro.

Segundo conversa de Machado com o senador Romero Jucá (PMDB-RR), o Breve, Aécio Neves (PSDB-MG) seria o primeiro a ser comido caso prosperassem as investigações da Lava Jato.

A destituição de Dilma, portanto, ensejaria um “pacto” envolvendo ministros do Supremo para interromper a força-tarefa do juiz Sérgio Moro.

Novas gravações que vieram à tona nesta quinta revelam mais sobre Aécio. De acordo com o delator, que foi tucano, o presidente nacional do PSDB é “o cara mais vulnerável do mundo”. Leia mais