29 de janeiro de 2018
por esmael
2 Comentários

Pedido de inconstitucionalidade da privatização da Eletrobras chega ao Supremo

A Federação Nacional dos Urbanitários (FNU) anunciou nesta segunda-feira (29) que pediu ao STF que declare a inconstitucionalidade a privatização da Eletrobras. Leia mais

8 de dezembro de 2016
por esmael
18 Comentários

Richa emparedado na Justiça do Paraná

richa_requiaoO governador Beto Richa (PSDB) foi emparedado pelos deputados da oposição, nesta quinta (8), no Tribunal de Justiça do Paraná, onde ingressaram com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) contra o calote do tucano na data-base de 300 mil servidores públicos.

27 de novembro de 2015
por esmael
16 Comentários

STF dá “sabugada” em Beto Richa ao suspender orçamento de 2016

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu liminar aos defensores públicos suspendendo a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2016 do governo do Paraná.

A iniciativa que suspendeu a LOA teve origem na ADI (Ação Direta de Inconstitucionalidade) nº 5381, de autoria da Associação Nacional de Defensores Públicos (ANADEP).

Ou seja, enquanto o governador Beto Richa “escondidinho” brinca de piloto na prova das 500 Milhas de Londrina, o STF lhe dá verdadeiras “sabugadas”.

A decisão do ministro do STF se justifica pelo fato de o tucano ter diminuído de R$ 140 milhões (2015) para R$ 45 milhões o orçamento de 2016 da Defensoria Pública.

Há tempos Richa vem declarando guerra aos defensores públicos (relembre aqui), cuja função deles é prestar assistência jurídica integral e gratuita às pessoas que não podem pagar pelos serviços de um advogado.

A liminar da ADI estipula 10 dias para que a Defensoria Pública do Paraná envie, diretamente, nova proposta orçamentária para a Assembleia Legislativa.

A seguir leia trecho da decisão do ministro Barroso:

“Diante do exposto, determino, ad referendum do Plenário (RI/STF, art. 21, V), a suspensão da eficácia do art. 7º, § 2º, da Lei nº 18.532/2015 do Estado do Paraná, bem como a suspensão do processo legislativo do projeto da respectiva lei orçamentária anual para 2016, já em curso na Assembleia Legislativa estadual, devendo a Defensoria Pública do Estado do Paraná enviar, no prazo de dez dias, diretamente para o Poder Legislativo, nova proposta de orçamento sem o limite estipulado pelo referido artigo. Solicito à Presidência a submissão do presente feito a Plenário para ratificação da cautelar.”

14 de maio de 2014
por esmael
17 Comentários

Lula defende nova Lei de Mídia no Brasil: “Código é de 1962”

do Brasil 247
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva avançou na defesa de uma nova legislação para regular o funcionamento dos meios de comunicação de massa, a chamada Lei de Mídia, ou de Meios. Até o discurso feito ontem na abertura do 2!º Encontro Nacional de Diários do Interior, em Brasília, o ex-presidente sempre fora um crítico do noticiário dos veículos da mídia nacional, de perfil tradicional e familiar, mas não havia deixado tão claro o quanto considera importante mudar a legislação do setor.

– O Código de Telecomunicações é de 1962, quando não havia nem televisores no Brasil, mas televizinhos, como diz o Franklin Martins, divertiu-se o ex-presidente diante da plateia. Além do ex-ministro da Secretaria de Comunicação, principal incentivador de uma Lei de Mídia dentro do governo e do PT, Lula também citou o ex-secretário-geral da Presidência Luiz Dulci, defensor da mesma posição.

– Uma das mudanças mais importantes que fizemos nestes 11 anos foi democratizar o critério de programação da publicidade oficial, afirmou Lula. Em seguida, fez uma comparação de causar impacto:

– Quando chegamos ao governo, a publicidade oficial era veiculada em anunciava em 249 rádios e jornais. Em 2009, o governo federal já estava anunciando em 4.692 rádios e jornais de todo o país, cotejou.

Lula frisou que considera completamente distorcidas as coberturas jornalísticas feitas pela “mídia nacional” sobre, sem exceção, todos os programas de inclusão social de sua gestão e da presidente Dilma Rousseff. Iniciando pela história da implantação do Fome Zero, Lula assinalou que viu os jornais de maior circulação e as principais emissoras de televisão !“ sem citar o nome de nenhum veículo, empresa ou família detentora !“ atacarem, desdenharem, criticarem, encobrirem e não reconhecerem os resultados das seguintes ações de governo: Luz Para Todos, Mais Alimentos, Mais Médicos, Minha Casa, Minha Vida, ProUni, Reuni, Fies, o Samu e, ainda, o BNDES. Ufa!

Para cada programa, citou lembranças de como vem sendo a cobertura nos jornalões e resgatou que as maiores agências de publicidade criticam o governo quando verbas foram redivididas:

– Reclamaram quando o Luiz Dulci incluiu a imprensa regional na programação de publicidade do governo federal.

E reclamaram ainda mais quando o Franklin Martins aprofundou a política de democratização da publicidade, abrangendo as empresas estatais, sublinhou.

Lula prosseguiu:

– Diziam (as agências) que para falar com o Brasil bastava anunciar nos jornais de circulação nacional e nas redes de rádio e TV. Hoje é fácil ver como estavam errados, pois a imprensa regional está cada vez mais forte. São 380 diários que circulam 4 milhões de exemplares por dia, de acordo com os dados da ADI-Brasil.

Antes da íntegra do pronunciamento de Lula, que já reacendeu o debate sobre uma Lei de Mídia, um dos pontos altos do discurso ao 2!º Encontro dos Diários do Interior:

– Os grandes jornais nunca deram valor ao Luz Pra Todos, mas quando o programa supe

19 de fevereiro de 2014
por esmael
23 Comentários

Enfim, uma “boa notícia” no governo Richa: saiu o dinheiro para os jornais do interior do Paraná

Donos de jornais no interior do Paraná, ligados à  ADI, tiveram ontem pagamento de atrasados e novos anúncios no governo Beto Richa; Palácio Iguaçu, segundo Requião, gasta R$ 600 milhões em propaganda, mas deixa faltar leite para as crianças e dá calote em professores e fornecedores; enfim, para os barões da mídia do interior, não deixa de ser uma boa notícia...

Donos de jornais no interior do Paraná, ligados à  ADI, tiveram ontem pagamento de atrasados e novos anúncios no governo Beto Richa; Palácio Iguaçu, segundo Requião, gasta R$ 600 milhões em propaganda, mas deixa faltar leite para as crianças e dá calote em professores e fornecedores; enfim, para os barões da mídia do interior, não deixa de ser uma boa notícia…

Os donos de jornais do interior estão rindo à  toa. E não é por menos. Os felizardos associados à  ADI (Associação dos Diários do Interior do Paraná) receberam ontem, do governo Beto Richa (PSDB), parcelas que estavam atrasadas e novos anúncios para seus veículos. Leia mais

19 de dezembro de 2013
por esmael
25 Comentários

Ibope derruba Dilma no Paraná, mas infla avaliação de Richa

Ibope mostra queda de Dilma no Paraná; presidenta teria caído de 45% para 41% em apenas uma semana; na mesma sondagem, também em seis dias, Richa teria subido 9%, pulando de 45% para 54%; senador Roberto Requião (PMDB) não se furtou de comentar os números de hoje: Se quero comprar peixes vou à  peixaria; se quero comprar pesquisa vou ao Ibope!.

Ibope mostra queda de Dilma no Paraná; presidenta teria caído de 45% para 41% em apenas uma semana; na mesma sondagem, também em seis dias, Richa teria subido 9%, pulando de 45% para 54%; senador Roberto Requião (PMDB) não se furtou de comentar os números de hoje: Se quero comprar peixes vou à  peixaria; se quero comprar pesquisa vou ao Ibope!.

Pesquisa divulgada pelo Ibope, nesta quinta (19), diz que a presidenta Dilma Rousseff (PT) tem 41% de ótimo e bom, 33% de regular e 27% de ruim e péssimo na avaliação de seu governo. Leia mais

19 de dezembro de 2013
por esmael
21 Comentários

Ibope Magia! faz aprovação de Richa subir 9% em uma semana

Ibope conseguiu a façanha de, em apenas seis dias, elevar a popularidade de Richa em 9%; nesta quinta (19), o governador compartilhou os números com o ex-governador Orlando Pessuti (PMDB); do outro lado da trincheira, o senador Roberto Requião repetiu essa máxima sobre a sondagem de hoje: se quero comprar peixes vou à  peixaria; se quero comprar pesquisa vou ao Ibope!; instituto que divulga números favoráveis ao tucano presta serviço milionário ao tucano; Requião tem razão?

Ibope conseguiu a façanha de, em apenas seis dias, elevar a popularidade de Richa em 9%; nesta quinta (19), o governador compartilhou os números com o ex-governador Orlando Pessuti (PMDB); do outro lado da trincheira, o senador Roberto Requião repetiu essa máxima sobre a sondagem de hoje: se quero comprar peixes vou à  peixaria; se quero comprar pesquisa vou ao Ibope!; instituto que divulga números favoráveis ao tucano presta serviço milionário ao tucano; Requião tem razão?

Semana passada este blog registrou que a aprovação do governo Beto Richa (PSDB) havia despencado de 74% para 45%, conforme pesquisa divulgada na sexta-feira (13) pelo Ibope. A queda se deu em comparação a dezembro de 2011, de acordo com os números do mesmo instituto de pesquisa (clique aqui para relembrar). Leia mais