14 de março de 2016
por admin
20 Comentários

Coluna da Gleisi Hoffmann: 13 de março, uma despolitização perigosa

Gleisi Hoffmann*

O Brasil não precisa de política, de políticos, de partidos. A imprensa e o judiciário, aliás um juiz, darão conta dos problemas que acometem nosso país. Do enfrentamento à corrupção ao resgate da ordem. Tudo com muita indignação, ruas cheias de verde e amarelo, povo branco, bem tratado, com inimigo definido. Foi esse o retrato que ficou na minha cabeça das manifestações deste 13 de março.

Longe de minimizar, reconheço que os protestos foram expressivos e legítimos, mas sua base social, o perfil de quem participou, não trouxe mudanças, continua sendo a classe média mais tradicional. Não traduzem o sentimento do conjunto do país. Se estamos em uma crise econômica sem precedentes, como todos falam, inclusive os empresários que patrocinaram os atos, onde estavam as reivindicações da economia?

Emprego, renda, juros, salários, investimentos, programas sociais, saúde, educação?!

Onde estava o povo trabalhador e mais pobre deste país? Certamente assistindo as manifestações, procurando entender a que interesse tudo isso atende. Combater a corrupção? Talvez?! Mas por que não fizeram antes? E por que são tão seletivos? Desconfiado, o povão prefere aguardar para saber ao certo qual será o resultado para sua vida. Segue desconfiado e à margem de liderar um processo efetivo de mais mudanças.

A aposta na despolitização do processo é flagrante. A canalização do ódio e criminalização ao PT, Lula e Dilma, foram minuciosamente construídas. Dia após dia, nos telejornais, jornais, na mídia deste país. Os que deram condições aos mais pobres de terem dig Leia mais

10 de março de 2016
por esmael
8 Comentários

Gaúchos convocam “coxinhaço” dia 13 contra a Globo; ouça o áudio

coxinhaco_13O k-suco promete ferver neste domingo, dia 13, em Porto Alegre, capital de todos os gaúchos. ... 

Leia mais

5 de março de 2016
por esmael
46 Comentários

Petistas querem ir às ruas dia 13 contra golpe jurídico-midiático

A militância do Partido dos Trabalhadores quer resgatar a mística do número “13” definindo o próximo domingo, dia 13 de março, como data de manifestações contra a parceria Moro-Globo. O diabo é que oposicionistas que defendem o impeachment da presidente Dilma também marcaram o próximo domingo 13 para sair às ruas.

Em Brasília, por exemplo, o PT já decidiu ocupar a Esplanada dos Ministérios no domingo 13, a partir das 9 horas, contra os golpistas.

Para a militância, o “13” foi surrupiado do PT pelos coxinhas que prometem protesto no próximo dia 13 de março em apoio ao golpe jurídico-midiático, contra o governo Dilma e o ex-presidente Lula, a favor do juiz Sérgio Moro.

Além do Distrito Federal, também no dia 13 de março, a militância petista articula sair às ruas em Salvador e no Rio de Janeiro – com direito a protesto em frente a Rede Globo.

A radicalização dos dois lados — oposição e situação – deveu-se à “condução coercitiva” do ex-presidente Lula para prestar depoimento ontem (4), na Polícia Federal, no aeroporto de Congonhas. Há, no entanto, quem tenha visto nessa 24ª fase da operação Lava Jato um sequestro e uma tentativa de golpe jurídico-midiático contra o governo Dilma.

Leia mais