Suspenso o julgamento do tarifaço do Detran

Google News

Um pedido de vistas do desembargador Paulo Roberto Hapner, do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) adiou hoje (2) o julgamento tarifaço de Detran por duas semanas.

A bancada de oposição na Assembleia Legislativa havia conseguido uma liminar, na véspera do Carnaval, considerando o aumento de 271% nas taxas do órgão inconstitucional. Dois dias depois, o presidente da Corte, Miguel Kfouri, cassou a decisão do desembargador Antonio Martelozzo.

A tendência é que o TJ considere o aumento constitucional, no entanto, o pedido de vistas tem relação ao índice aplicado pelo governo Beto Richa (PSDB) no reajuste.

Comments are closed.