Suprema Corte dos EUA derruba direito ao aborto depois de quase 50 anos

O ex-presidente Donald Trump deixou um legado aos EUA deixando mais conservadora a Suprema Corte, que, nesta sexta (24/06), decidiu proibir quase meio século pelo direito ao aborto no país.

A Suprema Corte anulou hoje o caso Roe x Wade ao autorizar que o estado do Missouri seja o primeiro estado do país a acabar totalmente com o aborto.

Essa decisão vai transformar a vida das mulheres americanas porque reformulará a política do país e levará a proibições totais do procedimento em cerca de metade do os Estados.

No início de maio, havia vazado o rascunho dessa decisão anunciada hoje.

– Após a decisão SCOTUS derrubando Roe vs. Wade, Missouri acaba de se tornar o primeiro no país a acabar efetivamente com o aborto com nossa opinião AG assinada momentos atrás. Este é um dia monumental para a santidade da vida – disse o procurador-geral Eric Schmitt.

Grupos conservadores estão aplaudindo a decisão da Suprema Corte de derrubar Roe vs. Wade como a culminação bem-sucedida de décadas de trabalho para restringir o acesso ao aborto.

O ex-presidente Barack Obama condenou a decisão da Suprema Corte de derrubar Roe vss Wade, chamando-a de ataque às “liberdades essenciais de milhões de americanos”:

– Hoje, a Suprema Corte não apenas reverteu quase 50 anos de precedente, mas relegou a decisão mais intensamente pessoal que alguém pode tomar aos caprichos de políticos e ideólogos – atacar as liberdades essenciais de milhões de americanos – declarou Obama.

Os americanos cobram uma posição publica do presidente democrata Joe Biden sobre a restrição ao aborto, decidida pela Suprema Corte dos EUA.

O prefeito Eric Adams ofereceu nesta sexta-feira a cidade de Nova York como um porto seguro para os americanos que buscam abortos.

– Para aqueles que buscam abortos em todo o país: saibam que são bem-vindos aqui – disse o prefeito nova-iorquino, “e que faremos todos os esforços para garantir que nossos serviços reprodutivos estejam disponíveis e prontamente acessíveis a você”.