Sociedade 13 de Maio, símbolo da resistência negra em Curitiba, corre risco de ser leiloada

A Sociedade Operária Beneficente 13 de Maio, tradicional símbolo da cultura e da resistência negra em Curitiba, corre o risco de ser leiloada na próxima segunda-feira (27/11).

A dívida da entidade, que ultrapassa os R$ 87 mil, é resultado de um cheque devolvido.

Fundada em 1888, um mês após a assinatura da Lei Áurea, a Sociedade 13 de Maio é a terceira mais antiga do Brasil.

O prédio histórico, localizado no Centro de Curitiba, é um importante patrimônio cultural da cidade, representando a luta do povo negro por igualdade e justiça.

>>Vem aí o partido Afro: Afrobrasilidade se organiza no Paraná e no Brasil

Economia

A entidade abriga diversas atividades culturais, como shows, festas, palestras e workshops.

É um importante espaço de encontro para a comunidade negra, além de ser um ponto de referência para a luta antirracista.

A campanha de arrecadação de fundos

Para evitar a perda da sede, a Sociedade 13 de Maio lançou uma campanha de arrecadação de fundos.

A meta é arrecadar R$ 87 mil até a próxima sexta-feira (24/11).

Até o momento, cerca de 80% da quantia necessária foi alcançada.

>>Caso de racismo no CEP é mais um gol contra a militarização das escolas

A campanha conta com o apoio de diversos grupos da sociedade civil, incluindo o Movimento Negro, o Fórum Permanente de Cultura do Paraná e o Portal Brasil Cultura.

A entidade também está recebendo doações de pessoas físicas e jurídicas.

Aqui está o link da Vaquinha para salvar a 13 de Maio.

A importância da Sociedade 13 de Maio

A Sociedade 13 de Maio é um importante símbolo da resistência negra em Curitiba.

O prédio histórico representa a luta do povo negro por igualdade e justiça.

A entidade também é um importante espaço de cultura e de encontro para a comunidade negra.

>>Curitiba rejeitou feriado no Dia da Consciência Negra

A perda da sede da Sociedade 13 de Maio seria um grande prejuízo para a cultura e para a luta antirracista em Curitiba.

É importante que a sociedade se mobilize para apoiar a campanha de arrecadação de fundos e evitar que esse importante patrimônio seja perdido.

>>Sindicato dos Frentistas ingressa como Amicus Curiae em caso de racismo em Curitiba

Como ajudar

Para contribuir com a campanha de arrecadação de fundos da Sociedade 13 de Maio, basta fazer clicar aqui.



2 Replies to “Sociedade 13 de Maio, símbolo da resistência negra em Curitiba, corre risco de ser leiloada”

  1. Vamos mostrar que a Curitiba é negra. Colaborem para não deixar este marco se perder. Já que os nossos legisladores não reconhecem a cultura negra (não considerando o dia da consciência negra) mostrarem que os nossos cidadãos reconhecem e apoiam

  2. É uma casa centenária, que preserva e representa a cultura popular brasileira, a cultura e identidade dos negros que construiram esse País. Estamos na luta para manter esse patrimônio da população curitiba e brasileira. #Fica13

Comments are closed.