URGENTE: Caiu a casa de Sérgio Reis e deputado bolsonarista; PF faz operação por ordem de Moraes

Sergio Reis, após choro, disse que pediu estudo sobre impeachment de ministros do STF

O cantor bolsonarista Sergio Reis, após choro numa live, disse que pediu estudo sobre impeachment de ministros do STF (Supremo Tribunal Federal). O artista está no centro de uma polêmica acerca de manifestações convocadas por extremistas e fundamentalistas para o dia 7 de Setembro contra juízes e o Congresso Nacional.

“Não pedi para que acabasse com nada. Eu pedi que fizessem… que esses impeachments fossem estudados. Vamos fazer. Se o povo não for para as ruas no dia 7 de Setembro, Brasília não vai fechar. Então não vai adiantar nada. O Exército não pode fazer nada, o presidente não pode fazer nada e nós não podemos fazer nada. Estamos fazendo a nossa parte”, afirmou Sergio Reis, que acrescentou, na live, chorando, que a mulher dele também tem “chorado bastante” com a repercussão.

A mulher de Reis, Ângela Bavini, disse que o marido famoso ficou muito deprimido com a repercussão das ameaças de invadir e quebrar tudo em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). “Ele está muito triste e depressivo porque foi mal interpretado. Ele quer apenas ajudar a população. Está magoado demais”, afirmou a mulher.

Valente, Reis tinha dado uma ordem ao Congresso Nacional: “Eu, os caminhoneiros, os plantadores de soja, os fortes, os que carregam navios para fora. Vão receber um documento assim: ‘vocês têm 72 horas para aprovar o voto impresso e tirar todos os ministros do STF. Não é um pedido, é uma ordem'”.

Leia também

Após perder dignidade, Sérgio Reis perde parceria com o cantor Guarabyra

Deputado Requião Filho “investiga” cantor Sergio Reis por propaganda do governo Ratinho Junior

Veja quem paga pelo radicalismo de Sergio Reis

Os caminhoneiros e os ruralistas deixaram o cantor de “Panela Velha” com a broxa na mão ao desmenti-lo sobre participação em manifestação a favor de Bolsonaro, contra o parlamento e o judiciário.

No domingo (15/08), o cantor Sergio Reis, temendo ser preso, por estimular atos antidemocráticos, chorou durante uma live do jornalista bolsonarista Oswaldo Eustáquio. O vídeo correu o Brasil e o mundo.

Pelo sim pelo não, o presidente do Congresso Nacional, senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), disse nesta terça (17/08) que “já há pedidos de impeachment de ministros do Supremo no âmbito do Senado. A presidência entendeu que não havia ambiente, nem justa causa para o encaminhamento e a evolução desses pedidos”.

Nesta quarta-feira (18/08), Pacheco irá se encontrar com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux. Bolsonaro não foi convidado para o encontro entre os dois chefes de poderes [legislativo e judiciário].

Assista ao vídeo com o presidente do Congresso