Requião faz ‘piquete’ pela greve no Twitter

O senador Roberto Requião (PMDB-PR), presidente da Frente Ampla Nacional, intensificou nas últimas horas o ‘piquete’ no Twitter pela greve geral desta sexta-feira (30).

“Quem não está satisfeito com o que acontece no Brasil deve parar neste dia 30”, prega Requião.

O parlamentar acredita que a greve geral tem o condão de despertar consciências adormecidas para a antecipação da eleição direta à Presidência da República. Ele também lança, em nome da Frente Ampla, a ideia de um plebiscito para tirar o país metido no atoleiro pelos “bandidos” e “entreguistas”.

“Lanço a ideia de um congresso nacional, a fim de unificar um programa mínimo para a oposição e para unificar as frentes e organizações dos que se opõem”, discursou hoje (29) mais cedo na tribuna do senado.

Assista ao vídeo:

Acerca da Frente Ampla

O senador Roberto Requião assumiu a presidência da Frente Parlamentar Nacionalista no último dia 21 de junho. O movimento visa implantar um projeto de nação em contraposição ao neoliberalismo advogado pela banca financeira e os rentistas.

Com cerca de 218 parlamentares, a Frente presidida pelo senador Roberto Requião, na verdade, também é um embrião do que poderá vir a ser a “Frente Ampla” discutida na reforma política como uma alternativa às coligações partidárias atuais.

A experiência da “Frente Ampla” vem do Uruguai. A organização política reúne dezenas de partidos que sustentou Pepe Mujica, por exemplo.
Requião foi indicado para presidente a Frente pelo PT, PMDB, PDT, PSB, PCdoB, Rede e PSOL. O deputado Patrus Ananias (PT-MG) ficará na secretaria-geral.

Veja também  Paolo Rossi, carrasco do Brasil em 82, morre aos 64 anos

Comments are closed.