requiao ze abreu

Requião defende presidente autoproclamado Zé de Abreu de críticas da esquerda

O ex-senador Roberto Requião (MDB-PR) foi ao Twitter esta segunda-feira (11) para defender a “legitimidade” do ator Zé de Abreu se autoproclamar presidente do Brasil.

Requião citou Serge Tchakhotine, autor de A Propaganda Política e a Violação das Massas, para afirmar que a ironia, o humor e o sarcasmo são fundamentais no combate ao autoritarismo fascista.

LEIA TAMBÉM
Globonews: Bolsonaro cai se não aprovar a reforma da previdência

“Zé de Abreu, nosso presidente autoproclamado, faz ironia e critica dissolvente ao autoritarismo e barbárie do governo federal. Não confundam com Shadow Cabinet [gabinete paralelo]. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa”, continuou o ex-parlamentar, que então agradeceu: “Valeu, Zé Abreu!”

Alvo da extrema-direita e de setores da esquerda, Abreu reclamou hoje que “alguns ‘esquerdistas’ com síndrome de Alexandre Frota, resolveram me detonar. Vou tratá-los como faço com ele. Com desprezo.”