Renan: ‘Condenação de Lula sem prova é inadmissível’

O ex-presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB-PR) criticou nesta quarta (12) a sentença do juiz Sérgio Moro condenando o ex-presidente Lula a 9 anos e meio de prisão.

“Condenar sem prova sempre é inadmissível. Muito mais quem tirou o brasil do mapa da fome e foi reconhecido pelos líderes mundiais. O erro certamente será reparado”, disparou o parlamentar.

A decisão de Moro foi encarada hoje como uma “intervenção política” no processo eleitoral de 2018.

Lideranças do PT denunciaram a condenação como “fraude eleitoral” que visaria tirar Lula da corrida presidencial.

Veja também  Super live às 10h, desde Curitiba, debate a decisão de Fachin

Comments are closed.