PT com os golpistas no Senado

A maioria dos dez senadores petistas votará no golpista Eunício Oliveira (PMDB-CE), o “Índio” das planilhas da Odebrecht, para a presidência do Senado.

Pelo acordo o Partido dos Trabalhadores ficará com a 1ª Secretaria que ficará com o compadre de “Índio”, o senador José Pimentel (CE).

Dos 10 parlamentares do PT, sete fumarão o cachimbo de “Índio”.

A eleição no Senado será na tarde desta quarta (1º).

O voto será secreto e não são permitidos discursos além dos candidatos à presidência.

A “afrouxada de tanga” do PT no Senado na prática “libera” o PCdoB para fazer o mesmo na Câmara.

Comments are closed.