Petrobras reduz preço do diesel até a eleição, talquey?

Até o fim do processo eleitoral de 2022, o consumidor terá uma redução no preço do diesel.

Depois de passar seis anos esfolando os brasileiros, o governo do presidente cessante Jair Bolsonaro (PL) determinou que a Petrobras anunciasse, às vésperas das eleições presidenciais, que o valor médio do litro será reduzido de R$ 5,61 para R$ 5,41 por litro, uma diminuição de R$ 0,20 por litro, ou 3,57%.

Os novos preços da estatal passam a valer a partir de sexta-feira (05/08).

– Essa redução acompanha a evolução dos preços de referência, que se estabilizaram em patamar inferior para o diesel, e é coerente com a prática de preços da Petrobras, que busca o equilíbrio dos seus preços com o mercado global, mas sem o repasse para os preços internos da volatilidade conjuntural das cotações internacionais e da taxa de câmbio – explicou a petrolífera por meio de nota.

No mês passado, após anunciar redução no preço da gasolina, a Petrobras informou que continuará com a política de paridade internacional [dolarização].

Em português claro, a redução de preço no diesel e na gasolina tem prazo certo para acabar.

Até o fim da eleição, talquey?

Blog do Esmael, notícias verdadeiras.

LEIA TAMBÉM

Responsável por dobrar preço da gasolina, Bolsonaro agora quer ser ‘pai’ de desconto temporário no combustível

Lula diz que vai mudar política da Petrobras para baixar a gasolina de vez enquanto Bolsonaro ensaboa

Em nota, Petrobras diz que dolarização no preço dos combustíveis continua sob Bolsonaro

Petrobras vende refinarias enquanto Bolsonaro distrai público com embaixadores

Bolsonaro cria a figura do “fura posto” que abatece e foge sem pagar pelo combustível

Gleisi chama Bolsonaro de “burrro” e “criminoso” por importar combustível em dólar