Pela CLT, povo xinga Cristovam Buarque de “canalha, canalha” em universidade; assista

Deu ruim para o senador golpista Cristovam Buarque (PPS-DF), nesta terça (18), que foi xingado de “canalha, canalha” na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Não foi por falta de aviso do também senador Roberto Requião (PMDB-PR) em seu antológico discurso “Canalhas, Canalhas, Canalhas” durante o impeachment (golpe).

“Voltou… pelo golpe, contra a CLT. Canalha! Canalha!”, dizia um dos cartazes dos manifestantes.

O senador Cristovam teve de cancelar o lançamento de seu livro “Mediterrâneos invisíveis” devido aos protestos de professores e alunos da UFMG.

Há quem diga que “faltou ovo” no escracho a Cristovam Buarque –numa clara referência à “chuva de ovos” no casamento da filha do ministro da Saúde, Ricardo Barros (PP), no último fim de semana em Curitiba.

Veja também  Protesto contra vacinas no Canadá: manifestação perigosa, diz a polícia

Comments are closed.