Paraná Pesquisas: àlvaro Dias lidera corrida pelo Senado, mas ainda corre riscos

Sérgio Souza, suplente de Gleisi, ainda não desistiu do sonho de "aposentar" pelas urnas o tucano àlvaro Dias; o tucano lidera todos os cenários possíveis, segundo a Paraná Pesquisas; o novato surpreende, pelo volume e qualidade do trabalho no Congresso Nacional, até os veteranos que há vários mandatos estão no Senado; entretanto, o peemedebista enfrenta barreiras internas, no partido, principalmente a vontade do ex-governador Orlando Pessuti de também concorrer à  única vaga em 2014.
Sérgio Souza, suplente de Gleisi, ainda não desistiu do sonho de “aposentar” pelas urnas o tucano àlvaro Dias; o tucano lidera todos os cenários possíveis, segundo a Paraná Pesquisas; o novato surpreende, pelo volume e qualidade do trabalho no Congresso Nacional, até os veteranos que há vários mandatos estão no Senado; entretanto, o peemedebista enfrenta barreiras internas, no partido, principalmente a vontade do ex-governador Orlando Pessuti de também concorrer à  única vaga em 2014.
O senador àlvaro Dias (PSDB) lidera todos os cenários possíveis na disputa pela única vaga ao Senado em 2014. No crível, o tucano tem 44% contra 5% do senador Sérgio Souza (PMDB), suplente da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT).

Em 2006, àlvaro quase perdeu a cadeira para a novata Gleisi que também começou a campanha com 5%, mas terminou com 45,14% dos votos válidos contra 55,51% obtidos pelo tucano. Agora, no ano que vem, é outro novato que põe em risco a continuidade dele no Senado: o peemedebista Sérgio Souza.

Ainda de acordo com a sondagem do Paraná Pesquisas, Osmar Dias (PDT), irmão de àlvaro, ocupa o segundo lugar em todos os cenários divulgados ontem (18) pelo jornal Gazeta do Povo. Entretanto, é mais fácil uma galinha criar dentes do que os dois irmãos se enfrentarem pela única cadeira no Senado.

A pesquisa de Murilo Hidalgo trouxe outro dado interessante: o ex-governador Orlando Pessuti (PMDB) na disputa pelo Senado. Com 5% de intenções de voto, ele estaria de olho na vaga de candidato que hoje pertence ao seu pupilo Sérgio Souza, que também quer enfrentar àlvaro.

Veja todos os cenários possíveis da disputa pelo Senado:

infografico_senado

Os comentários estão encerrado.