Motociata de Bolsonaro no Paraná terá participação de Ratinho e padres da Igreja Católica

Jesus me abana!

Vá reclamar com o bispo!

Dom Antônio Braz Benevente, bispo diocesano de Jacarezinho, região Norte Pioneiro do Paraná, disse que nada tem a ver com a visita  do presidente Jair Bolsonaro (PL).

Padres da Igreja Católica estiveram na segunda-feira (04/04) com o “Coiso“, em Brasília, para confirmar uma motociata entre os municípios de Andirá e Bandeirantes no próximo sábado, dia 9 de abril.

Foi de um encontro entre o bispo e o "Coiso" que surgiu a ideia de uma motociata no Norte Pioneiro do Paraná.
Após a visita dos Padres Rosinei Tonietti, reitor do Santuário São Miguel Arcanjo, do Padre Roberto Medeiros, fundador e primeiro reitor e do empresário Leonir Palla, idealizador e benfeitor-mor do Santuário São Miguel, a Brasília ao Presidente Bolsonaro, ele confirmou nesta segunda-feira (04/04) a sua vinda ao Santuário São Miguel Arcanjo.

Os padres Rosinei Tonietti, reitor do Santuário São Miguel Arcanjo, Roberto Medeiros, fundador e primeiro reitor, o empresário Leonir Palla, idealizador e benfeitor-mor do Santuário São Miguel, reuniram-se no início da semana com Bolsonaro, que confirmou vinda ao Santuário São Miguel Arcanjo.

Após veementes protestos da comunidade católica, contra a participação da Igreja no evento de Bolsonaro, o bispo Dom Antônio Braz Benevente jurou que a presença do presidente da República no santuário São Miguel de Arcanjo, em Bandeirantes, não foi iniciativa sua.

Dom Antônio Braz ainda jogou a batata quente para a diocese vizinha, de Bandeirantes, a presença de Bolsonaro [leia o ofício do religioso].

Dom Antônio Braz ainda jogou a batata quente para a diocese vizinha, de Bandeirantes, a presença de Bolsonaro
Dom Antônio Braz ainda jogou a batata quente para a diocese vizinha, de Bandeirantes, a presença de Bolsonaro

Na região Norte Pioneiro não se fala outra coisa: o bispo deu o tapa e escondeu a mão, depois da pressão que sofreu.

Segundo ajudante de um dos padres, Jair Bolsonaro vai pernoitar de sexta-feira (08/04) para sábado (09/04) no Tayayá, um resort no município de Ribeirão Claro [ouça abaixo].

Acompanharão o presidente na motociata o governador Ratinho Junior e o pai dele, o apresentador Ratão.

Também são esperados no passeio o senador Alvaro Dias (Podemos) e seu virtual suplente, o empresário Wilson Picler (PSD).

Além deles, Véio da Havan e políticos da região e do campo bolsonarista podem comparecer à festa presidencial.

Ouça o comunicado sobre a presença de Bolsonaro e Ratinho na motociata no PR:

PS: o deputado Luiz Claudio Romanelli (PSD) jurou ao Blog do Esmael que não irá na motociata e reafirmou que apoiará Lula, portanto ele foi retirado da garupa de Bolsonaro.

Veja também  Bolsonaro está destruindo o SUS e a Saúde Pública; denuncia Lula