Moro levanta palanque para Lula, diz Greca

O prefeito de Curitiba Rafael Greca (PMN) disse em telefonema ao juiz Sérgio Moro que o depoimento de Luiz Inácio Lula da Silva, nesta quarta-feira (10), está “levantando” palanque para o ex-presidente nas vésperas das eleições 2018.

Anfitrião de manifestantes pró-Lula, que começam chegar em caravanas de todo o país já nesta terça-feira (9), Greca telefonou na sexta-feira (5) para o titular da Lava Jato informando-o do “Interdito Proibitório” que removeu acampamento do MBL.

Correligionários do prefeito confirmaram ao Blog do Esmael o telefonema entre Moro e o prefeito curitibano.

A criação de uma zona de exclusão no entorno do prédio da Justiça Federal do Paraná, na região do bairro Cabral, da capital paranaense, também evitaria protestos do MST e movimentos sociais favoráveis a Lula. Essa decisão judicial gerou fortes críticas de entidades ligadas à esquerda.

No mês passado, a ex-vice-prefeita da cidade Mirian Gonçalves (PT) esteve em audiência com Rafael Greca visando discutir a recepção aos militantes contrários à perseguição do ex-presidente da República. O objetivo do encontro foi “distensionar” Curitiba durante o depoimento de Lula.

Na campanha de 2016, Greca afirmou que via com tristeza a cidade Curitiba ser transformada numa masmorra da Lava Jato.

Veja também  Human Rights Watch classifica Bolsonaro como "sabotador" do combate à Covid-19

Comments are closed.