Faltam 3 dias para o fiasco

No próximo domingo, 26 de março, os coxinhas voltarão a fazer vergonha nas ruas de todo o país.

Em Curitiba o fiasco já vem se repetindo desde o início do ano. Nada mais nada menos que quarto manifestações reuniram respectivamente 20, 15, 40, 10 pessoas.

Antevendo a nova vergonheira, o juiz Sérgio Moro gravou um vídeo apelando para que a sociedade não o deixe só na cruzada contra o PT.

Domingão não vai ser diferente pelos motivos que seguem.

A maioria que saiu pelo impeachment de Dilma — mesmo os que não admitem publicamente — se arrependeram amargamente.

O golpe lançou todos — inclusive os coxinhos — num beco rumo à pauperização.

O desemprego bate recordes; a economia, recessiva, é para poucos; o ataque à liberdade de expressão; o fim da aposentadoria é uma obsessão do ilegítimo Michel Temer (PMDB).

A aprovação da terceirização — que nada mais é do que a precarização da mão de obra — foi apenas um aperitivo do que vem por aí para os trabalhadores.

Não dá para esquecer a PEC 55, que vai congelar investimentos na saúde e educação nos próximos 20 anos.

A Lava Jato é prima-irmã do golpe de Estado e do ilegítimo governo Temer, portanto é crível afirmar que os coxinhas “sacaram” que a luta contra a corrupção, na verdade, era para arrancar direitos — inclusive deles.

Comments are closed.