Empresa russa ‘abocanha’ duas fábricas de fertilizantes da Petrobras


O grupo econômico russo Acron concluiu as negociações para adquirir a Petrobras Ansa, a maior produtora brasileira de fertilizantes nitrogenados. As informações são das agências APK Inform e da Reuters. A venda de ativos faz parte do programa de privatização e inicia o afastamento da atuação da estatal no mercado de produção de fertilizantes.

As negociações sobre a venda da Ansa, subsidiária da Petrobrás, começaram em maio de 2018. A capacidade diária da Ansa é de 1,3 mil toneladas de amônia e 1,975 mil toneladas de ureia.

Além disso, o Grupo Acron se tornou proprietário da Nitrogen Fertilizer Unit III, que está atualmente em construção. A fábrica terá uma capacidade de 2.200 toneladas de amônia e 3.600 toneladas de ureia por dia.

LEIA TAMBÉM:

Petrobras anuncia novo aumento no preço da gasolina em 4% nas refinarias

Desmonte: Petrobras vai ‘torrar’ seus bens no Uruguai

Assista: Lula e Janja dançam juntos em comunidade Quilombola de Paraty

O governo Bolsonaro acelera a privatização da Petrobras e ao mesmo tempo opera um vasto desmonte de áreas estratégicas da maior estatal brasileira.