Governador João Doria assina decreto que obriga servidor estadual a comprovar vacinação em SP

Doria anuncia passaporte da vacina para entrada de viajantes no Brasil até 15 de dezembro enquanto Bolsonaro refuga

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta quarta-feira (08/12) que vai exigir passaporte da vacina para a entrada de viajantes no Brasil até o próximo dia 15 de dezembro.

O estado de São Paulo, via aeroporto de Guarulhos e porto de Santos, é a principal porta de entrada de viajantes no país, sobretudo de estrangeiros.

“Caso não seja implantado pelo Governo Federal a obrigatoriedade do passaporte vacinal para entrada de viajantes no Brasil até 15 de dezembro, São Paulo adotará para todo Estado”, comunicou pelo Twitter o governador paulista, que é pré-candidato a presidente da República.

A medida de Doria é uma respostas ao negacionismo do presidente Jair Bolsonaro (PL). Ele classificou nesta ontem (07/12) como “coleira” o chamado passaporte da vacina, adotado em outros países e defendido por cientistas e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) como requisito para entrada de viajantes no Brasil.

Bolsonaro também dissera na terça-feira que a Anvisa estava sugerindo “fechar o espaço aéreo” do Brasil, o que é mentira.

A Anvisa recomendou à Casa Civil para que o Brasil adote medidas mais rigorosas no acesso de viajantes ao país a fim de evitar o aumento dos casos de Covid-19 após a descoberta da variante ômicron. Dentre as medidas sugeridas pela agência está a exigência do passaporte vacinal.

Como Bolsonaro não agiu, Doria saiu na frente outra vez.

A questão do passaporte vacinal até parece um repeteco do que houve no caso da aplicação de vacinas no início da pandemia, ou seja, o presidente era contra enquanto o governador de SP era favorável à imunização em massa.

Leia também

Governo anuncia quarentena de cinco dias para viajantes não vacinados, mas descarta passaporte da vacina

Congresso Nacional analisa vetos à quebra de patentes de vacinas e à distribuição de absorventes nesta terça-feira

Como o mundo está lidando com a variante Ômicron; confira as notícias ao vivo da Covid