Curitiba tem ‘horário eleitoral’ fora de época; veja os vídeos

O canal do YouTube se transformou na principal ferramenta de candidatos curitibanos ao parlamento italiano. Com a queda do primeiro-ministro Mario Monti, as eleições no “país da bota” foram antecipadas para fevereiro próximo.

Dois advogados da capital paranaense disputam quatro cadeiras destinadas à  representação Sul-Americana no parlamento italiano. A ex-vereadora Renata Bueno e Luis Molossi. Eles podem cabalar votos em qualquer país abaixo da Venezuela. O maior colégio eleitoral é o argentino (600 mil) seguido do brasileiro (400 mil).

O advogado Luis Molossi concorre à  vaga pelo Maie !“ Movimento Associativo Italiani all”estero. Renata tenta pelo movimento Unione Sudamericana Emigrati Italiani (USEI).

Veja também  Com 80 milhões de desempregados, Folha vê "volta de empregos" sob Bolsonaro e Guedes

Comments are closed.