“Começou o fenômeno do vira-vira nas grandes cidades”, diz Murilo Hidalgo

Murilo Hidalgo vê desespero com o “vira-vira” na reta final das campanhas. Foto: Ivonaldo Alexandre/Gazeta do Povo.
O diretor do instituto Paraná Pesquisas, Murilo Hidalgo, afirmou nesta quarta-feira (26) que começou o fenômeno do vira-vira nas grandes cidades paranaenses e brasileiras.

De acordo com Hidalgo, várias campanhas terão uma semana tensa em virtude desse acontecimento na reta final.

“Muitas campanhas começaram a semana desesperadas por causa desse fenômeno. Quem estava na frente corre o risco de ficar para trás”, disse o diretor da Paraná Pesquisas, sem, no entanto, dar exemplos concretos de viradas espetaculares no estado.

Em São Paulo, segundo o Ibope, o petista Fernando Haddad virou para cima do tucano José Serra. Pesquisa divulgada ontem à  noite pelo instituto diz que o candidato de Lula tem 18% e Serra 17%.

Os comentários estão encerrado.