Com Lula livre, Orlando Silva e Chinaglia desistem de congresso do MBL

Google News


Os deputados federais Orlando Silva (PCdoB-SP) e Arlindo Chinaglia (PT-SP) desistiram de participar do 5º Congresso Nacional do Movimento Brasil Livre (MBL), que acontece neste fim de semana em São Paulo. Os dois integrariam uma mesa de debates sobre a reforma política no sábado (16).

Orlando Silva informou ao jornal Estado de São Paulo que acompanhará o presidente da Câmara de Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ, em uma agenda fora do país. Por sua vez, Chinaglia alegou problemas de sáúde.

Com a volta à cena política do ex-presidente Lula, os defensores da tese contra a polarização na esquerda perderam espaço e buscam aproximação com o líder petista, que saiu da prisão com a determinação de reorganizar o campo esquerdista.

LEIA TAMBÉM:

Lula quer PT disputando em todas capitais em 2020

Haddad chama Moro de “miliciano de toga”

Lula: Saí da cadeia mais forte

Orlando Silva foi um animado defensor do lançamento do movimento “Direitos Já”, uma articulação promovida por setores do PSDB de São Paulo que buscava apresentar uma alternativa ao quadro de polarização entre os partidários de Lula e de Bolsonaro. O movimento não prosperou.

*Com informação do Estadão

Veja também  Lula Livre, "Moro Preso" na mentira da Lava Jato; há 2 anos caía a farsa [vídeo]