17 de Abril de 2018
por esmael
Comente agora

Requião Filho: Por que ser oposição?

O deputado Requião Filho (MDB) escreve que é oposição ao grupo político que está no governo do Paraná porque defende tarifas congeladas da Copel e da Sanepar. “Empresa pública é para gerar crescimento do Estado, não lucro para acionistas”, fundamenta. Leia mais

16 de Abril de 2018
por esmael
Comente agora

Datafolha: Quem está verdadeiramente preocupado com Lula?

O jornalista Ricardo Cappelli faz o papel do “advogado do diabo” ao analisar o Datafolha e perguntar quem está verdadeiramente preocupado com Lula. Para ele, o petista terá que se preparar para uma longa estadia atrás das grades. “O ex-presidente precisa ganhar as eleições, virar a conjuntura para que tenha condições mínimas de tentar sair do cárcere”, escreve. Leia mais

15 de Abril de 2018
por esmael
Comente agora

A economia estacionou no fundo do poço

O deputado Luiz Claudio Romanelli afirma que a economia estacionou no fundo do poço cujas faces mais perversas são o desemprego e a queda de renda dos trabalhadores. “Apesar das promessas e das frases de efeito, a realidade é que o (des)governo de Michel Temer nada fez para evitar o agravamento do desemprego no país”, escreve. Leia mais

12 de Abril de 2018
por esmael
1 Comentário

Em momentos de crise, a primeira vítima da casa-grande é a democracia

O ex-ministro Roberto Amaral alerta que o cenário é, perigosamente, de anarquia institucional. É condição para qualquer projeto progressista a unidade das forças populares e de esquerda, escreve. Leia mais

11 de Abril de 2018
por esmael
4 Comentários

Chapa Joaquim Barbosa-Marina: jogo começando pra valer

O jornalista Ricardo Cappelli informa que nas próximas semanas Joaquim Barbosa deverá ser confirmado pelo PSB na disputa presidencial. “Nos grupos internos da Rede é muito forte a defesa de uma chapa Joaquim-Marina Silva”, escreve. “Se confirmado o movimento, estaremos diante da primeira grande mexida de pedras no jogo real.” Leia mais

3 de Abril de 2018
por esmael
Comente agora

Não se colhe morangos plantando cebolas

O deputado Enio Verri (PT-PR) recorre a ditado popular segundo qual “não se colhe morangos plantando cebolas” para comparar os 13 anos de governo do PT com a época de FHC. “Durante os governos do tucano Fernando Henrique Cardoso morria-se diariamente 300 pessoas de fome. O PT fez o contrário, tirou não apenas 40 milhões de pessoas da fome, mas o Brasil do Mapa da Fome, entre 2003 e 2012.” Leia mais

3 de Abril de 2018
por esmael
Comente agora

Requião Filho: Saúde em último lugar na prefeitura de Curitiba

O deputado Requião Filho (MDB) denuncia que, no aniversário de 325 anos de Curitiba, o prefeito Rafael Greca (PMN) desativou os serviços essenciais de saúde e manteve a pleno vapor a indústria da multa no trânsito. “… afinal a arrecadação das multas não podia parar!”, escreve, ao afirmar que “os curitibanos clamam por mais respeito e dignidade”. Leia mais

2 de Abril de 2018
por esmael
Comente agora

Gleisi: Os cães ladram e a caravana segue

Foto: Eduardo Matysiak.

A senadora Gleisi Hoffmann, presidenta nacional do PT, escreve que os tiros contra a caravana de Lula não atingiram apenas o PT, atingiram a democracia. A dirigente também acusa o governo Beto Richa (PSDB) de disseminar informações mentirosas e promover manipulação política do atentado contra o ex-presidente. Leia mais

1 de Abril de 2018
por esmael
Comente agora

Romanelli: Paraná segue em boas mãos

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) saúda a posse da vice Cida Borghetti (PP) como governadora do Paraná na próxima sexta-feira, dia 6 de abril. “Cida é experiente e, como todas as mulheres paranaenses, é batalhadora e tem grande sensibilidade”, escreve, ao ressaltar que “o Paraná seguirá em boas mãos com Cida Borghetti.” Leia mais

31 de Março de 2018
por esmael
Comente agora

O mecanismo é o mesmo. Alguém mudou?

O jornalista Ricardo Cappelli afirma que Marcelo Freixo (PSOL) jamais seria o que se tornou sem sua parceria de sucesso com a dupla José Padilha e Wagner Moura. “Na sua campanha à prefeitura do Rio negou os partidos. Negou a política. Rejeitou tudo e todos. Mesmo contando com a simpatia de sempre e o apoio da Globo, acabou derrotado por Crivella”, escreve. Leia mais

29 de Março de 2018
por esmael
Comente agora

Liberdade de Lula reforçará saída “Medvedev”

O jornalista Ricardo Cappelli aponta a saída “Medvedev” caso o STF confirme o habeas corpus no dia 4 de abril. “Lembram de Medvedev na Rússia? Putin foi seu primeiro ministro. Uma dobradinha arquitetada pelo ex-agente da KGB. Já tendo sido eleito e reeleito, o líder russo escolheu Medvedev para ‘sucedê-lo’. Um jogo combinado que manteve, na prática, Putin no poder”, detalha. Leia mais

27 de Março de 2018
por esmael
Comente agora

Fascismo é burrice

O deputado Enio Verri (PT-PR) denuncia uma minoria fascista e muito agressiva que atacou a caravana de Lula pelo Sul do País. “Uma gente de bem, branca, religiosa, honesta, que se não é, se julga elite”, identifica. Para ele, a elite sulista “saiu do armário” para mostrar a sua pior face. “Fascismo é sinônimo de burrice”, escreve. Leia mais

27 de Março de 2018
por esmael
Comente agora

O melhor está por vir: Fora Beto Richa!

Para o deputado Requião Filho (MDB), o governador Beto Richa (PSDB) finalmente cumpre sua promessa de campanha — “O melhor está por vir” — ao renunciar ao cargo no próximo dia 6 de abril. Ele ainda escreve que, com a saída do tucano, o pior avaliado do país, “o Paraná terá uma chance”. Leia mais

26 de Março de 2018
por esmael
Comente agora

Gleisi Hoffmann: Atentados à caravana agridem a democracia

A presidenta nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, compara os bandos armados que atacam a comitiva de Lula aos milicianos fascistas de Mussolini e aos nazistas de Hitler. A petista também critica o deputado Jair Bolsonaro (PSL-RJ), por incentivar atos de violência, e “até” a senadora Ana Amélia (PP-RS), que mandou “erguer o relho” contra a caravana. Leia mais

23 de Março de 2018
por esmael
Comentários desativados em Batalha adiada. Até o dia 4 de abril

Batalha adiada. Até o dia 4 de abril

O jornalista Ricardo Cappelli sugere que os ministros do STF serão assediados pela Globo — e até pela CIA — nesses próximos 12 dias que antecedem à batalha final. “Todos sabem o papel decisivo que Lula terá solto, percorrendo o país. Vocês acham que tem alguém de bobeira?”, questiona. Para o articulista, haverá muita baixaria na mídia contra os ministros nas vésperas da votação do habeas corpus do ex-presidente. “Não será fácil manter o acordo tácito para salvar a política”, avalia. Leia mais

20 de Março de 2018
por esmael
Comentários desativados em Fora da política não há salvação

Fora da política não há salvação

Para o deputado Enio Verri (PT-PR), somente a politização pode tirar o Brasil desse campo de guerra em que está sendo jogado pela aventureira e apátrida Casa-grande. “O caminho do fascismo é o caos social, dentro do qual as vítimas são os pobres e os considerados diferentes”, escreve, referindo-se ao assassinato da vereadora do Rio Marielle Franco. Leia mais

20 de Março de 2018
por esmael
Comentários desativados em AMBEV, um caso de amor pelo Paraná?

AMBEV, um caso de amor pelo Paraná?

O deputado Requião Filho (MDB) questiona os bilionários incentivos fiscais que a AMBEV, fábrica de bebidas, recebeu do governo Beto Richa (PSDB), no Paraná, em detrimento da concorrência representada pela Associação de Fabricantes de Refrigerantes do Brasil (Afrebras). Leia mais

18 de Março de 2018
por esmael
Comentários desativados em Gleisi Hoffmann: Contra a cultura do ódio

Gleisi Hoffmann: Contra a cultura do ódio

A senadora Gleisi Hoffmann, presidenta nacional do PT, critica a “hipocrisia” de membros do governo Michel Temer e a Rede Globo por tentarem capitalizar a indignação provocada pelo assassinato da vereadora carioca Marielle Franco (PSOL). “Foi contra o ódio e da discriminação disseminados por eles que Marielle lutou”, recobra. Leia mais

18 de Março de 2018
por esmael
Comentários desativados em Tempos de trevas, tempos de barbárie

Tempos de trevas, tempos de barbárie

Para o deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), o assassinato da vereadora carioca Marielle Franco (PSOL) e seu motorista Anderson Gomes, na noite de quarta-feira (14) é um exemplo de como as pessoas vivem num estado de anomia. “Marielle lutava por justiça e igualdade. Sua morte não foi aleatória — foi uma execução planejada. Foi assassinada, muito possivelmente por sua atuação política, o que deveria indignar todos os brasileiros, independente de sua preferencia partidária”, escreve. Leia mais

17 de Março de 2018
por esmael
Comentários desativados em Quem apertou o gatilho?

Quem apertou o gatilho?

“Quem apertou o gatilho?”, pergunta o jornalista Ricardo Cappelli ao afirmar que a execução bárbara de Marielle e Anderson é um duro e dramático choque de realidade. “A barbárie contra a vereadora do PSOL não foi um crime premeditado por uma central golpista. É muito pior. É afronta às instituições democráticas”, escreve. Leia mais