Caso Moro começa a andar hoje no TRE-PR

Daqui a pouco, a partir das 13h, já sob nova relatoria, o Caso Moro começa a andar no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) ouvindo as testemunhas arroladas pelo senador Sergio Moro (União-PR).

Desde ontem (28/11), o novo relator das ações que pedem a cassação de Moro é o desembargador Luciano Carrasco Falavinhaapós licença do antigo relator, que não foi reconduzido ao TRE-PR.

>>Começou a disputa pelo Senado: Gleisi Hoffmann x Michelle Bolsonaro

O ex-juiz da Lava Jato começou a ser julgado pelo TRE-PR por caixa dois e abuso de poder econômico nas eleições de 2022.

Dentre as testemunhas que seram ouvidas hoje está o publicitário argentino Pablo Nobel, marqueteiro da frustrada campanha de Sergio Moro à Presidência da República em 2022, contratado por R$ 14,8 milhões pelo Podemos – antigo partido do ex-juiz.

Economia

>>Não é piada pronta: Carrasco assume processo de cassação de Sergio Moro no TRE-PR

Nesta quarta-feira (29/11), às 13h, o TRE-PR irá ouvir as testemunhas arroladas pelo senador Sergio Moro:

– GUSTAVO SILVA CASTRO, presidente da Comissão Provisória do Podemos/PR, Curitiba/PR, Intermediador da filiação de Sérgio Moro ao Podemos;

– OSWALDO EUSTÁQUIO FILHO, (Filiado do Partido União Brasil), Brasília/DF;;

– PABLO ALEJANDRO NOBEL, sócio da 2022 Comunicação SPE Ltda, São Paulo-SP, Marketeiro relacionado à pré-campanha, São Paulo – SP;

– ANDREA DURÃES SADER, (Sócia D7 Produções Cinematográficas Ltda.), São Paulo – SP

– ANNA GABRIELA PEREIRA DE SOUZA, (Gestora de Contratos do Partido Podemos) Diadema/SP;

>>Caso Moro tem reviravolta no TRE-PR

Clique aqui para ler a íntegra do despacho saneador do TRE-PR sobre a cassação de Moro; essa decisão unificou as duas ações – do Partido Liberal e do Partido dos Trabalhadores – em um único julgamento.