Câmara vota hoje cassação de vereadora que comemorou aniversário na pandemia [vídeo]

Por 6 votos a 3, Câmara de Ivaiporã (PR) cassa vereadora que comemorou aniversário na pandemia

Google News

Boris Johnson, no Reino Unido, também é acusado de comemorar aniversário na pandemia

A vereadora Gertrudes Bernardy (MDB), presidente da Câmara Municipal de Ivaiporã (PR), no Vale do Ivaí, foi cassada na madrugada desta quarta-feira (26/01) por seis votos a três porque ela cantou “parabéns a você” na data de seu aniversário e de outros cinco funcionários da casa legislativa durante a pandemia [vídeo abaixo].

O ato de comemorar aniversários em empresas privadas e órgãos públicos nunca foi malvisto, haja vista as quitutes [bolos, salgadinhos e refrigerantes] serem compradas com dinheiro das pessoas próprias envolvidas. A priori poder-se-ia dizer que houve um “crime impossível” no município de “Sapecado” –antigo nome de Ivaiporã, que fica a 383 km de Curitiba. No entanto, a comissão processante agravou a situação dizendo que houve infração administrativa da vereadora porque a festa ocorreu em meio à pandemia, quando havia a orientação para a população ficar em casa e de distanciamento social.

Gertrudes Bernardy perdeu o mandato, segundo a oposição, porque ela realizou uma comemoração dos aniversariantes do mês de junho, na sede do legislativo, com cinco funcionários. A parlamentar disse que vai judicializar a questão para reaver sua cadeira na Câmara.

A vereadora acusada de “bater palmas” no aniversário rebate dizendo que em outras oportunidades, outros parlamentares também fizeram o mesmo tipo de comemoração sem sofrer nenhuma penalidade.

A gravidade da punição –perda do mandato de vereadora– chamou a atenção para a sessão, cuja sessão durou cerca de sete horas. Nos meios políticos dizem que há perseguição à vereadora.

O prefeito da cidade, Carlos Gil (PSD), acusou os vereadores de estarem chantageando o Executivo para que a presidente do legislativo não fosse cassada. Vereadora e prefeito são aliados políticos.

Veja também  Ou Lula ou Ciro para enfrentar Bolsonaro em 2022, diz Paraná Pesquisas

Para o prefeito de Ivaiporã, o processo de cassação da vereadora foi um “ato de extrema covardia” dos vereadores Vila Real, Jaffer Ferreira, Nando Dorta, Zé Maria, Sabão e Joseane Disner. A Câmara tem 9 membros.

Em conversa com o Blog do Esmael, a vereadora Gertrudes vê, além de covardia, machismo, misoginia, inveja e perseguição política dos colegas porque ela foi a que mais apresentou e teve projetos aprovados no ano de 2021 que, ainda segundo ela, beneficiaram a população ivaiporaense.

Primeiro-ministro do Reino Unido também é acusado de fazer festa na pandemia

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, pode cair porque comemorou seu aniversário durante a pandemia
O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, pode cair porque comemorou seu aniversário durante a pandemia

A “pacata” cidade de Ivaiporã, 32 mil habitantes, não é única no mundo a julgar um parlamentar por fazer aglomeração durante a pandemia. A quase de 10 mil quilômetros dali, em Londres, no Reino Unido, o primeiro-ministro Boris Johnson também se vê encrencado com uma festa de aniversário enquanto a população estava submetida a um rigoroso lockdown.

O premiê britânico desrespeitou isolamento em junho de 2020. A notícia agravou a crise em torno do primeiro-ministro, que admitiu ter participado de outro evento no início da pandemia.

A esposa de Johnson teria ajudado a organizar, em 19 de junho, o evento que aconteceu na residência oficial do primeiro-ministro [Downing Street] e que pode ter gerado a aglomeração de até 30 pessoas.

Assistir entrevista de Gertrudes Bernardy ao Blog do Esmael

A vereadora Gertrudes Bernardy concedeu entrevista ao Blog do Esmael conversará no último domingo (23/01). Confira: