Bang bang no município de Campina Grande do Sul (PR)

Toco Zanetti pede presença de forças federais na cidade.
O candidato a prefeito de Campina Grande do Sul pelo PSD, Toco Zanetti, diz que sua chácara foi alvo de disparos de arma de fogo na noite de ontem e seu comitê sofreu um incêndio “criminoso” na madrugada desta sexta-feira (28).

Diante do cenário de bang bang, o candidato afirmou que vai requisitar à  Justiça Eleitoral a presença de tropas federais para garantir as eleições na cidade. Campina Grande do Sul fica na região metropolitana de Curitiba.

O candidato do PSD classificou como “absurdo” o ato e disse que nada o fará interromper sua agenda de campanha.

Na semana passada, Toco Zanetti e seus familiares disseram que sofreram agressões durante um assalto e ficaram reféns por várias horas.

De acordo com a coordenação do candidato, foram grandes os danos materiais causados pelo incêndio desta madrugada. No balanço inicial, perdeu-se cerca de 200 perfurados, 150 placas de diversos candidatos, 5 mil jornais, 80 cavaletes e 150 lonas para cavalete, além de bandeiras e panfletos do Plano de Governo.

Os comentários estão encerrado.