Humorista Adnet corre risco na Globo, alerta Wadih Damous

Humorista Adnet corre risco de “perder o emprego” na Globo, alerta Wadih Damous

Wadih Damous (PT), ex-deputado e ex-presidente da OAB do Rio, observa traços de comediante no jornalista Merval Pereira da TV Globo.

“Merval Pereira, cabo eleitoral fanático, dizendo na Globo que Moro está se preparando para disputar com Lula os programas de combate à miséria e a fome”, observou Damous. “Além de jornalista partidário, Merval mostra sua porção comediante. Te cuida Adnet”, alertou o petista, referindo-se ao humorista Marcelo Adnet.

Sergio Moro é mais uma tentativa da Globo em emplacar uma terceira via na disputa presidencial, depois de fracassar com Henrique Mandetta (DEM) e Eduardo Leite (PSDB).

Na vida real, continua o ex-deputado do PT, Lula encanta a Europa ao se reunir com os principais líderes mundiais e oferecer uma mensagem de esperança para o Brasil e o planeta.

“Os canais Globo finalmente curvaram-se aos fatos e mencionaram a viagem de Lula”, disse Wadih Damous, ao apontar que até o Jornal Nacional deu 35 segundos de cobertura ao périplo do ex-presidente no Velho Continente.

“Mas logo depois, dão um espaço desproporcional a Moro [no mesmo telejornal] para não iludir os incautos com falsas ilusões: Moro é o candidato dos Marinho. Uma no ferro, outra na ferradura”, criticou.

Apesar da Globo jogar pesado, com entrevistas e reportagens, o suspeito ex-juiz Sergio Moro pontua dentro da margem de erro nas pesquisas de intenção de voto.

Os institutos de pesquisas apontam, também, a possibilidade de vitória de Lula já no primeiro turno das eleições de 2022.

Leia também

Deu no Jornal Nacional, da Globo: “Lula recebe na França prêmio de revista especializada em política internacional”

Na Globo, Sergio Moro revelou Afonso Celso Pastore como seu “Posto Ipiranga” na economia caso seja eleito [Deus nos livre e guarde!]

Lula se reúne com líderes mundiais enquanto Bolsonaro se junta com ditadores no Oriente Médio