Em nota, Eduardo Leite disse que 'já ganhou' as prévias no PSDB; 'é mais fácil o Saci cruzar as pernas', ironizam adversários

Em nota, Eduardo Leite disse que ‘já ganhou’ as prévias no PSDB; ‘é mais fácil o Saci cruzar as pernas’, ironizam adversários

Em nota distribuída à imprensa, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, disse que ‘já ganhou’ as prévias no PSDB contra o colega paulista João Doria.

Após torturar números e fazer ginástica com a matemática, o tucano gaúcho chegou a conclusão de que irá vencer a disputa no ninho do próximo domingo (21/11).

Os adversários do político gaúcho torceram o nariz para o comunicado e disseram que ‘é mais fácil o Saci cruzar as pernas’ do que Leite vencer as prévias.

Segundo Eduardo Leite, ele vencerá as prévias de domingo no primeiro turno “vencendo em 3 de 4 grupos de votação”. Além dos governadores de São Paulo e Rio Grande do Sul, o ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio, também concorre ao posto de candidato a presidente da República pelo PSDB.

Na reta final da campanha, Eduardo Leite está sendo muito cobrado por seu relacionamento com bolsonaristas. Em seu governo, por exemplo, ele abrigou em secretarias estratégicas apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) –negacionista reconhecido internacionalmente.

Os adversários no PSDB também estão explorando o pedido feito pelo governo Jair Bolsonaro –e atendido pelo governador Eduardo Leite– para tentar convencer João Doria a adiar o início da vacinação contra a Covid-19, enquanto São Paulo decidia pela imunização imediata e universal.

No PSDB especula-se abertamente que Leite sonha com a vice na chapa de Bolsonaro ou, na pior das hipóteses, com a indicação do deputado Aécio Neves (MG) como vice de Bolsonaro. O tucano mineiro é o principal assessor do governador gaúcho nas prévias internas.

Leia também

Eduardo Leite assume que mantém secretários bolsonarista em seu governo no Rio Grande do Sul

Responsável pelo golpe contra Dilma, Aécio Neves atua no PSDB como assessor de imprensa de Eduardo Leite

Em desvantagem, Eduardo Leite propõe adiar prévias por meio de aliados no ninho