Me Chama Que Eu Vou: Requião apoia manifesto dos Frentistas do Brasil [vídeo]

Me Chama Que Eu Vou: Requião apoia manifesto dos Frentistas do Brasil [vídeo]

Roberto Requião, pré-candidato ao governo do Paraná, foi chamado oficialmente esta semana para apoiar a manifesto de frentistas de todo o país. Eles lutam contra uma emenda parlamentar do deputado Kim Kataguiri (DEM-SP), que permite o self-service nos postos de combustíveis.

Se a proposta for aprovada pelo Congresso Nacional, 500 mil frentistas perderão o emprego no Brasil e cerca de 32 mil chefes de família ficarão sem trabalho no Paraná.

A Reunião dos trabalhadores em postos de combustíveis, com Requião, foi realizada na segunda-feira (18/10) em Curitiba.

O encontro foi articulado pelo presidente do Sinpospetro, Lairson Sena, e contou com as presenças de líderes dos frentistas no interior do Paraná e da Federação dos Frentistas.

No encontro, Roberto Requião aproveitou para falar sobre sua caravana para discutir os problemas e apontar soluções do Paraná. O ex-senador convidou os frentistas para integrarem o movimento Me Chama Que Eu Vou.

A caravana promovida por Requião, entidades dos movimentos populares e partidos políticas passará no sábado vindouro, dia 23 de outubro, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. No dia 5 de novembro, a armata requianista descerá até Paranaguá, no Litoral.

Assista ao vídeo:

Leia também

Frentistas se reúnem com Requião em Curitiba; trabalhadores em postos de combustíveis contra projeto de Kim Kataguiri

Kim Kataguiri entra na linha de fogo de frentistas do Paraná e do Brasil

Caravana de Requião ruma para o município de Ponta Grossa; siga