Ensandecidos, bolsonaristas acusam Igreja Católica de comunista; "mito" é vaiado [vídeo]

Ensandecidos, bolsonaristas acusam Igreja Católica de comunista; “mito” é vaiado [vídeo]

O “mito” Jair Bolsonaro foi vaiado em sua aparição no santuário de Aparecida do Norte (SP), na quarta (12/10), Dia da Padroeira do Brasil. Romeiros gritaram do lado de fora da igreja palavras de ordem como “Fora Bolsonaro”.

O arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes, durante seu sermão, criticou o presidente Jair Bolsonaro e, ato contínuo, foi acusado por ensandecidos bolsonaristas de “comunista” nas redes sociais.

“Para ser pátria amada, seja uma pátria sem ódio. Para ser pátria amada, uma república sem mentira e sem fake news. Pátria amada sem corrupção. E pátria amada com fraternidade. Todos irmãos construindo a grande família brasileira”, disse o patriarca da Igreja Católica no santuário de Aparecida.

Não foi só em Aparecida que Bolsonaro foi apupado. Em Brasília (DF), as competições do JUBs (Jogos Universitário Brasileiros) 2021 foi palco uníssono pelo Fora Bolsonaro [abaixo, assista ao vídeo]. Ou seja, deu ruim para o “mito” entre a juventude universitária brasileira.

Leia também

Parlamento brasileiro resiste à volta presencial, apesar de deliberar pelo retorno de terceiros

Como é um dia de trabalho do presidente? [Vídeo]

Malafaia surta por indicação de André Mendonça no STF [vídeo]