Efeito Bolsonaro: preço dos combustíveis obriga 62,5% a diminuir uso de carros e motos, diz pesquisa

Efeito Bolsonaro: preço dos combustíveis obriga 62,5% a diminuir uso de carros e motos, diz pesquisa

A Paraná Pesquisas afirma que 62,5% dos brasileiros diminuíram a frequência na utilização do seu veículo particular, seja carro ou moto, devido ao aumento dos combustíveis (gasolina, etanol, diesel) –o “Efeito Bolsonaro”.

No levantamento, 37,5% não reduziram o uso de carros e motos devido aos aumentos abusivos nos preços dos combustíveis.

O instituto ouviu 2.300 eleitores de 26 estados e o Distrito Federal entre os dias 12 e 15 de outubro de 2021. A margem de erro é de 2% para mais ou para menos.

A Paraná Pesquisas também questionou os brasileiros sobre falta d’água nas torneiras.

28,7% dos entrevistados, ficou sem água em sua residência nos últimos 30 dias no País, enquanto 71,3% disseram que não tiveram problemas.

***

Se houvesse um recorde no Paraná, esse índice teria sido maior.

Há meses a Sanepar –Companhia de Saneamento do Paraná– impõe um rigoroso racionamento de água aos consumidores paranaenses.

Leia também

Auxílio Emergencial chega ao fim hoje com pagamento de última parcela

Frentistas se reúnem com Requião em Curitiba; trabalhadores em postos de combustíveis contra projeto de Kim Kataguiri

Aécio Neves é “esquecido” por Eduardo Leite em evento do PSDB de Minas [ouça]