URGENTE: ex-mulher de Bolsonaro vai depor na CPI da Covid

URGENTE: ex-mulher de Bolsonaro vai depor na CPI da Covid

A advogada Ana Cristina Siqueira Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro, vai depor na CPI da Covid. A comissão de investigação aprovou nesta quarta-feira (15/09) a convocação da mãe de Jair Renan Bolsonaro, filho “04” do presidente.

O requerimento, de autoria do senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), foi aprovado durante depoimento do advogado, empresário e suposto lobista Marconny Albernaz Ribeiro de Faria, amigo da ex-mulher de Bolsonaro e do filho “Zero Quadro” do presidente da República.

A CPI da Covid afirma existir indícios de que Ana Cristina Siqueira Valle mantinha relação de proximidade com o lobista e que, a pedido dele, atuou para fazer indicações para cargos no governo federal.

“Como se sabe, o senhor Marconny Faria atuou como lobista da empresa Precisa Medicamentos, investigada pela CPI da Pandemia em razão de irregularidades na negociação de compra da vacina Covaxin, de modo que a sua relação próxima com a ex-esposa do senhor Jair Bolsonaro deve ser amplamente esclarecida, com vistas a examinar potencial atuação ilícita de ambos no contexto da pandemia”, argumento Alessandro Vieira.

A data do depoimento ainda não foi definida pelos senadores da comissão de inquérito.

Em seu perfil nas redes sociais, o senador Alessandro Vieira confirmou a convocação da ex-mulher de Bolsonaro: “A CPI aprovou meu requerimento de convocação de Cristina Bolsonaro, para que seja esclarecida a sua participação na atividade de lobistas que buscavam vantagens em nomeações e contratos. A investigação precisa ser rápida e efetiva. A lei é para todos.”

Resumo da ópera: o arroz doce do presidente Bolsonaro azedou e o k-suco ferveu em Brasília.

Leia também

A casa caiu: Zeca Dirceu, do PT, associa a Jair Renan R$ 4,7 milhões da Cultura para “Casinha Games”

Por que Jair Renan, filho do presidente Bolsonaro, está bombando nas redes sociais

Globo diz que ex-mulher comprou 14 apartamentos, enquanto foi casada com Bolsonaro