Bolsonaro perdeu da vacina: 80% dos brasileiros apoiam a imunização. Na comunidade científica a comemoração não poderia ser outra: 'chupa que é de uva, Bolsonaro!'

Bolsonaro perdeu da vacina: 80% dos brasileiros apoiam a imunização

O presidente Jair Bolsonaro sofreu mais uma goleada: 80% dos brasileiros apoiam a vacinação contra a Covid-19 no país, segundo uma pesquisa coordenada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Não é de somenos, por se tratar de um mandatário negacionista e que acabou de dar um vexame internacional na ONU.

A pesquisa foi realizada pelo Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira da Fiocruz, entre 22 e 29 de janeiro, com 173.178 participantes em todo o país.

Curiosamente, a ciência deu passos importantes na batalha pela vida no Brasil no mesmo dia em que Bolsonaro negava a vacina e fazia propaganda de medicamentos ineficazes na tribuna da Assembleia-Geral da ONU, em Nova York.

O levantamento da Fiocruz aponta ainda que mais da metade dos entrevistados pelo instituto afirmou que tiveram familiares contaminados ou internados em função de uma infecção pelo coronavírus.

O instituto levou em consideração os entrevistados hesitantes, pessoas que não tinham intenção de se imunizar, pessoas que não tinham se decidido e o grupo dos que se vacinariam dependendo da vacina utilizada. Com a inclusão desses participantes, a Fiocruz aponta que 89,5% dos entrevistados tinham intenção de se vacinar, o que corresponde a mais de 150 mil pessoas ouvidas.

Na comunidade científica a comemoração não poderia ser outra: ‘chupa que é de uva, Bolsonaro!’

O Brasil registra 591.440 óbitos acumulados desde o início da pandemia, segundo dados do Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde) na terça (21/09/2021).

Leia também

Anvisa põe Bolsonaro e comitiva que visitou NY em quarentena; veja quem ficará 14 dias em isolamento

Ao vivo: CPI ouve diretor da Prevent Senior; plano de saúde é acusado de criar figura do “personal da morte”

Após insultar manifestantes com uma dedada, Queiroga recebe diagnóstico de Covid em Nova York