Covid já matou 551.835 brasileiros na pandemia, segundo o Conass

Covid já matou 551.835 brasileiros na pandemia, segundo o Conass

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) afirma que 551.835 vidas foram perdidas para a Covid-19 desde o início da pandemia.

Embora haja ufanismo por parte da mídia e do governo, o número de óbitos continua enorme: 1.333 nas últimas 24 horas.

O boletim do Conass, nesta terça-feira(27/7), salienta que 41.411 foram infectados nas últimas 24 horas e que 19.749.073 contraíram a doença na pandemia.

Abaixo, confira os números do Conass:

Data: 27/07/2021, 18h

Casos
• 41.411 no último período
• 19.749.073 acumulados

Óbitos
• 1.333 no último período
• 551.835 acumulados

Leia também

Média de mortes é a menor desde 23 de fevereiro

A média móvel de mortes diárias provocadas pela Covid-19 foi de 1.093 nesta terça-feira (27/7), a menor desde 23 de fevereiro deste ano. Em comparação com verificado há duas semanas, houve variação de -13,5%, sinalizando estabilidade nos óbitos registrados.

Vacinados no Brasil

Os 96.332.312 vacinados que receberam a 1ª dose equivalem a:

  • 45,49% da população brasileira
  • 62,61% das doses recebidas pelos estados

Os 38.026.271 totalmente imunizados (com duas doses ou dose única) equivalem a:

  • 17,96% da população brasileira
  • 22,37% das doses recebidas pelos estados

Total de doses aplicadas: 134.358.583

Vacinados no Paraná

Os 5.505.382 vacinados que receberam a 1ª dose equivalem a:

  • 47,8% da população do estado
  • 61,02% das doses recebidas pelo estado

Os 2.017.120 totalmente imunizados (com duas doses ou dose única) equivalem a:

  • 17,51% da população do estado