wilson witzel

Ao vivo: Witzel promete falar “verdades” sobre Bolsonaro na CPI da Covid

  • Witzel está com “sangue nos olhos”, “ódio no coração” e deve “partir para o ataque” contra Bolsonaro

Prepare a pipoca. Daqui pouco, às 9 horas, o ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), irá depor na CPI da Covid no Senado. Ele conseguiu um habeas corpus no STF dispensando-o de comparecer e de responder às inquirições, no entanto, o ex-mandatário fluminense afirmou que comparecerá à comissão para falar “verdades” sobre o presidente Jair Bolsonaro e sua família. O Blog do Esmael transmite a sessão ao vivo para o Brasil e o mundo.

O ex-governador do Rio conseguiu na noite de ontem (15/6) um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal, concedido pelo ministro Nunes Marques. Witzel é réu em processo que apura corrupção e lavagem de dinheiro. O caso tramita no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Leia também

Wilson Witzel, eleito em 2018 na garupa da Lava Jato e do bolsonarismo, foi cassado em abril deste ano. O ex-juiz é suspeito de receber, por intermédio do escritório de advocacia da mulher, Helena Witzel, pelo menos R$ 554,2 mil em propina. Ele nega.

O ex-governador fluminense sempre apontou o dedo para Bolsonaro e sua família, que, segundo Witzel, armaram politicamente contra ele. O ex-juiz diz que foi vítima de perseguição política do Palácio do Planalto.

Senadores afirmam que o ex-governador do Rio está com “sangue nos olhos”, “ódio no coração” e deve “partir para o ataque” contra o presidente da República. Os parlamentares esperam uma sessão “quente, quentíssima” nesta quarta-feira (16/6). A conferir.