Ex-deputado e dirigente do PCdoB, Haroldo Lima morre vítima da Covid-19

Na madrugada desta quarta-feira (24), o histórico dirigente comunista Haroldo Lima, faleceu vítima da Covid-19. “Haroldo lutou bravamente por longos dias contra a doença, mas não resistiu às complicações provocadas pelo novo coronavírus”, informou em nota, o presidente estadual do PCdoB da Bahia, Davidson Magalhães.

LEIA TAMBÉM
Bolsonaro mente em pronunciamento que nem sente [vídeo]

Notícias ao vivo da Covid: Brasil bate novo recorde com 3.251 mortes em 24h

STF reconhece suspeição de Sergio Moro [vídeo]

Haroldo era dirigente nacional do PCdoB, militante histórico, foi deputado federal pela legenda na Bahia e ex-presidente da Agência Nacional de Petróleo, Energia e Gastão (ANP). Ele tinha 81 anos e estava internado tratando a doença, na última sexta-feira (19), precisou ser intubado.

Em comunicado, o PCdoB Bahia presta “irrestrita solidariedade aos familiares, aos amigos e aos militantes neste momento de dor”.

Leia a íntegra da nota:

Falece Haroldo Lima, dirigente do PCdoB

Com muita dor, comunicamos o falecimento do histórico dirigente do PCdoB Haroldo Lima, mais uma vítima da Covid-19, na madrugada do dia 24/03.

Haroldo lutou bravamente por longos dias contra a doença, mas não resistiu às complicações provocadas pelo novo coronavírus.

Lamentamos profundamente a irreparável perda de um dos mais destacados quadros nacionais do PCdoB nas últimas décadas e prestamos irrestrita solidariedade aos familiares, aos amigos e aos militantes neste momento de dor.

O exemplo de abnegação, de coragem, de firmeza, daquele que dedicou a vida à luta em defesa da democracia e da liberdade, e pela construção de uma sociedade mais justa e fraterna, é o legado que Haroldo Lima deixa para a geração que prosseguirá a luta pelo socialismo.

Salvador, 24 de Março de 2021


Davidson Magalhães – Presidente Estadual do PCdoB

Do Portal do PCdoB