Em novo filme, Requião diz que ‘aguarda chamado’ para disputar 2022

O ex-senador Roberto Requião (MDB-PR) teve nesta sexta (26/3) o quarto episódio de sua autobiografia divulgado nas redes sociais. O emedebista retratou a origem das raízes históricas do partido, que, segundo ele, o credenciam para se tornar o condutor da transição da Democracia política para a democracia social ou seja para ser um instrumento defensiva radicalização da
Democracia política na construção da Democracia social brasileira.

“Eu fundei o MDB, eu sou filiado número um do PMDB”, repete Requião. “Eu entrei e ajudei escrever os estatutos do partido, que foi fundamental no processo da eleição direta na derrubada da ditadura”, disse.

Requião lamenta a mudança do MDB rumo à direita. “Agora o que eu vejo eu vejo adeptos do Bolsonaro gente que tá jogando na extrema direita e o partido não foi criado para isso. Eu
eu tenho a dúvida de como vai ser o futuro do PMDB tanto que hoje, antes de conversar com você aqui, eu gravei um vídeo e me colocando à disposição para reorganização do partido em cinco
de fundamentos princípios e programas”, afirmou no documentário.

O ex-senador lembrou que foi presidente do MDB e por o partido ganhou por três vezes o Governo do Estado, duas vezes o Senado da República.

Eu tenho impressão que numa próxima eleição ele [o partido] não faz legenda para eleger um deputado federal. A não ser que ele volte a ser o velho MDB de guerra com princípio com firmeza”, condicionou.

Sobre a política atual, Requião disse que “já estamos voltando àquele período anterior o crescimento do PT no Brasil” em que despossuídos desesperado assaltavam armazéns, assaltavam supermercado para poder comer no desespero porque. “Estão liquidando os movimentos sociais que intermediam as negociações, pressionam o município e o estado contra a semiescravização do povo brasileiro”, critica.

“O período de 13 anos no PT, que cometeu erros pra burro, e que ajudei a combater desesperadamente, mas ensinou o povo a comer 3 vezes por dia e garantiu a possibilidade deles viajarem de avião”, reconheceu. “Melhorou a vida do povo e ele não vai regredir mais”, analisa.

Requião afirma que a crise produzida por Bolsonaro está fechando o comércio de Curitiba. “As pessoas não têm renda, não tem como viver. O auxílio emergencial foi cortado o Guedes. Então eu acho que vai haver uma mudança pesada eu quero colaborar com a minha experiência nesse processo”, disse.

“Eu me coloco à disposição do partido para participar. Não estou postulando nada. Eu vou fazer uma consulta. Se quiserem tudo bem”, declarou.

Sobre o 4º episódio do documentário “Requião 80 anos”

O documentário é uma autobiografia produzida pela jornalista Lana Seganfredo em comemoração aos 80 anos de Requião, completados no último dia 5 de março.

“Este é o quarto episódio do documentário inédito e autobiográfico produzido sobre a vida de Roberto Requião. Neste vídeo, Requião conta sobre o início de sua carreira na advocacia, sua ajuda diante de questões sociais e seu início na vida pública, como deputado estadual do Paraná de 15 de março de 1983 até 14 de março de 1986”, explica a jornalista.

Nascido em 1941, Roberto Requião de Mello e Silva é uma personalidade política brasileira, foi deputado estadual no Paraná, prefeito de Curitiba, Governador do Paraná três vezes e Senador duas vezes. É pai do deputado estadual do Paraná Requião Filho.

Lana ainda explica que “Requião 80 Anos” é uma homenagem para comemorar a passagem de seu aniversário e para que as pessoas possam conhecer, a partir do ponto de vista pessoal de Requião, os fatos que marcaram sua vida.

“É um recorte sobre os 80 anos e a trajetória de uma personalidade política, contada por ele mesmo, numa entrevista exclusiva, em oito episódios. São 8 décadas de histórias inesquecíveis, de alguém que tem como seu maior legado, o orgulho e o amor pelo Paraná”, completa a jornalista.

Ainda restam quatro episódios, que serão veiculados nas redes sociais até o próximo dia 23 de abril.

Assista ao vídeo:

LEIA TAMBÉM
De olho no governo do Paraná, Roberto Requião lança 3º episódio de autobiografia [vídeo]

Requião destaca em documentário sua origem getulista na juventude [vídeo]

Requião ganha filme autobiográfico ao completar 80 anos; confira o vídeo