STF derruba a casinha de Sergio Moro e procuradores da Lava Jato; confira

A casinha do ex-juiz Sergio Moro e de procuradores da força-tarefa Lava Jato foi derrubada, implodida, pelo ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), com a retirada do sigilo das conversas obtidas na Operação Spoofing.

Com 50 páginas, os novos diálogos foram incluídos nesta segunda-feira (1º) no processo pela defesa do ex-presidente Lula.

Em 2019, uma parte dos conteúdos já havia mostrado Moro orientando os procuradores da Lava Jato para agravar a situação de Lula no caso do tríplex.

No ano passado, após relutância da Lava Jato, as mensagens apreendidas na Operação Spoofing foram disponibilizadas ao petista por determinação de Lewandowski.

O líder do PT na Câmara, deputado Enio Verri (PT-PR), repercutiu o caso: ‘TRF, Moro, Lava Jato e Globo tem um sonho: Que Lula não seja candidato em 2018. Não querem Lula de volta porque pobre não pode ter direito’, escreveu uma procuradora, disse o parlamentar, em um grupo com procuradores da ‘Lava Jato’, que teve as mensagens apreendidas na “Operação Spoofing”.

Abaixo, a íntegra das conversas liberadas agora por Ricardo Lewandowski:

https://beta.documentcloud.org/documents/20467846-peticao” rel=”noopener” target=”_blank”>Clique aqui para ler a íntegra