Rodrigo Maia chora na despedida da Câmara [vídeo]

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), caiu no choro algumas vezes enquanto fazia seu discurso de despedida nesta segunda-feira (1º).

Sensível e com os nervos à flor da pele, Maia foi aplaudido pelos pares –motivo suficiente para ele se emocionar e chorar no plenário.

A Câmara realiza eleição para o próximo presidente e demais membros da Mesa Diretora para o biênio 2021-2022.

Conforme decisão da Mesa, a eleição será totalmente presencial, com 21 urnas dispostas no Plenário e nos salões Verde e Nobre, espaços que ficarão restritos aos parlamentares, de forma a evitar aglomerações e manter o distanciamento.

O vídeo do choro de Maia

LEIA TAMBÉM
PT é sócio na vitória de Pacheco no Senado

Para evitar aglomerações, os deputados e deputadas serão divididos em grupos para ter acesso às urnas.

A Mesa é composta pelo presidente, dois vice-presidentes, quatro secretários e quatro suplentes. De acordo com o Regimento Interno, a eleição dos membros da Mesa ocorre em votação secreta e pelo sistema eletrônico, exigindo-se maioria absoluta de votos (metade mais um) dos presentes no primeiro turno e maioria simples no segundo turno.

Depois de eleito, o novo presidente assume o cargo e procede à apuração dos votos para os demais integrantes da Mesa. Concluída essa etapa, o presidente eleito proclama o resultado e dá posse aos eleitos.

Ao vivo a sessão da Câmara: