Após recuo de Arthur Lira, Câmara elege às 10h de hoje a Mesa Diretora; acompanhe

Compartilhe agora

Daqui a pouco, às 10h, a Câmara realiza sessão para eleger Mesa Diretora para dirigir a Casa no biênio que se encerrará em fevereiro de 2023. O Blog do Esmael vai transmitir ao vivo.

A reunião da manhã desta quarta-feira (3) foi marcada pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), após um acordo com os líderes dos dois blocos partidários.

Na prática, o PT, que havia sido defenestrado, foi readmitido no corpo diretivo da Câmara depois do recuo do novo presidente da Câmara.

“O gesto do presidente, Arthur Lira, de reconhecer a legitimidade de participação do bloco adversário na Mesa Diretora da Câmara dos Deputados demonstra que o valor da democracia foi considerado pela maturidade política de quem quer construir pontes”, elogiou o líder do PT na Câmara, deputado Enio Verri (PT-PR).

A “pacificação” proposta pelo bloco de Lira ao de Baleia Rossi consiste em duas vagas de titulares na Mesa. A proposta foi aceita, e os cargos acabaram sendo a 2ª (PT) e a 3ª secretarias, para PSB ou PSDB. O acordo prevê ainda que candidaturas avulsas não serão aceitas.

Segundo Lira, houve pacificação em relação à participação dos dois grupos na divisão dos cargos. “Isso deve ajudar a construção do entendimento da Casa. Sempre trataremos por maioria da Casa e nada de decisões isoladas”, afirmou.

Na segunda-feira (1º), ao tomar posse como presidente da Câmara, Lira anulou a decisão do ex-presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ), que aceitou o registro do bloco do candidato Baleia Rossi (MDB-SP). O bloco foi registrado minutos após o fim do prazo determinado, mas acabou sendo aceito por decisão unilateral de Maia.