Bolsonaro chama Bonner de “sem vergonha” e “canalha”

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) chamou nesta quinta-feira (7) o jornalista William Bonner, apresentador do Jornal Nacional, de “sem vergonha” e “canalha” durante conversa com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada.

“Pessoal da imprensa, sem vergonha, William Bonner, sem vergonha, vai ter seringa para todo mundo. William Bonner, por que seu salário foi reduzido? Porque acabou a teta do governo. Vocês têm que criticar, mesmo. Quase 3 bilhões de reais por ano para a imprensa e grande parte para vocês, acabou a grana meu irmão”, disse.

Na sequência, Bolsonaro chamou o apresentador de canalha.

“Agora estão dizendo que vai faltar seringa para outras doenças. São canalhas. Bonner, você é o maior canalha que existe, William Bonner. São canalhas. O tempo todo mentindo”, disse.

Além de Bonner, o presidente também atacou o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e o youtuber Felipe Neto.

Assista ao vídeo: