Palmeiras venceu o Vasco por 1 a 0 no duelo de treinadores portugueses

No 1º duelo de técnicos portugueses do Brasileirão, o Cruzmaltino perde em casa e chega a nove jogos sem vitória.

No confronto entre os portugueses Ricardo Sá Pinto e Abel Ferreira na tarde deste domingo (8), quem levou a melhor foi o técnico do Palmeiras. Em um jogo pouco movimentado o Verdão venceu o Vasco por 1 a 0, em São Januário, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Enquanto a equipe carioca buscou se defender e explorar os contra-ataques, o Verdão tomou a iniciativa do jogo.

Na segunda etapa, Luiz Adriano, em rebote de pênalti que ele mesmo bateu e Fernando Miguel defendeu, fez o único gol da partida.

Vale destacar também Felipe Melo, do Palmeiras, que torceu o tornozelo esquerdo em uma dividida e precisou sair de campo aos 38 minutos do segundo tempo amparado pelos médicos. E ainda  o jogador não pode ser  ser substituído, já que o Verdão já havia feito cinco alterações.

Com a terceira vitória consecutiva, o Palmeiras chega a 31 pontos, ocupando a sexta colocação e se aproximando do G4.

O Vasco, por sua vez, não vence há nove rodadas (sete derrotas e dois empates) e vê o perigo do rebaixamento aumentar. Com a derrota, o time carioca passou a ocupar a 17ª colocação, com apenas 19 pontos.

Próximos Jogos de Vasco e Palmeiras

As duas equipes têm compromissos pelo Brasileirão no próximo sábado.

O Vasco enfrenta o Sport, às 16h30, no Recife.

Já o Palmeiras tem o Fluminense pela frente, às 21h30, no Allianz Parque.

Ficha Técnica Vasco 0 x 1 Palmeiras

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)

Data: 8 de novembro de 2020, domingo

Horário: 16h (de Brasília)

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa-RS) e Michael Stanislau (RS)

VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Cartões amarelos: Léo Mattos (Vasco); Viñ, Lucas Lima e Gustavo Gómez (Palmeiras)

GOLS: Luiz Adriano (Palmeiras), aos 27 minutos do 2º tempo (0-1)

VASCO: Fernando Miguel; Miranda, Leandro Castan e Ricardo Graça (Vinícius); Léo Mattos, Andrey (Ribamar), Leonardo Gil (Marcos Júnior), Benitez (Carlinhos), Neto Borges e Talles Magno; Germán Cano. Técnico: Ricardo Sá Pinto

PALMEIRAS: Weverton; Gabriel Menino (Marcos Rocha), Luan, Gustavo Gómez e Viña; Felipe Melo, Zé Rafael e Raphael Veiga (Lucas Lima); Gabriel Veron (Gustavo Scarpa), Rony (Willian) e Luiz Adriano (Danilo). Técnico: Abel Ferreira.