Novo protesto contra o Carrefour neste sábado às 10h em Curitiba

Daqui a pouco, às 10h, manifestantes de Curitiba prometem marchar até o supermercados Carrefour (Avenida Marechal Floriano Peixoto, 3031) para mais um protesto contra o racismo.

O movimento de hoje foi chamado de “2º ato de boicote ao Carrefour” e contra o racismo. O primeiro ocorreu nesta sexta-feira (20), Dia da Consciência Negra.

A rede de lojas virou alvo de protestos devido a morte de um homem negro espancado até a morte por dois seguranças do Carrefour em Porto Alegre, na noite de quinta-feira (19).

A vítima era João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos, o Beto, que teve a causa mortis definida como “asfixia”.

Nesta sexta-feira, manifestantes atearam fogo em lojas do Carrefour em São Paulo e Porto Alegre.

Na capital paranaense, o supermercado viu que o k-suco iria ferver de cerrou as portas mais cedo do que costume.

O Carrefour escolhido como alvo de protestos, em Curitiba, fica no bairro Parolim, nas proximidades do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Fogo, bombas e gás nas manifestações contra o Carrefour de SP e Porto Alegre

Vídeos: Manifestantes ocupam lojas do Carrefour em Porto Alegre, Rio e Brasília

Washington Post: Morte de negro após espancamento de seguranças indigna Brasil

Lula sobre negro espancado até a morte no Carrefour: “O racismo é a origem de todos os abismos desse país”

Dia da Consciência Negra com morte de homem negro no Carrefour de Porto Alegre

Compartilhe agora