Veja quem ganhou e quem perdeu o debate na Band em Curitiba

Compartilhe agora

Primeiramente, quem “perdeu” o debate na Band foi o eleitor que ficou acordado até altas horas.

A Band manteve sua tradição e realizou o primeiro debate entre os candidatos a prefeito, porém a emissora pecou pelo horário.

Sexta-feira, dia 2 de outubro, não é feriado e o trabalhador precisou dormir mais cedo.

Pela importância democrática das eleições 2020, os eleitores mereciam mais respeito em relação ao horário da atração televisiva.

Greca não foi ao debate da Band

O debate da Band, em Curitiba, teve púlpito reservado o prefeito Rafael Greca vazio.

Veja a avaliação dos candidatos sobre o debate na Band.

  • Paulo Opuszka:

“A pandemia ressignificou a definição de heróis. É para esses pessoas que queremos um governo que cuida das pessoas.”

    • João Arruda:

“Eu trouxe propostas concretas: Linha Verde, gerar empregos, habitação. Curitiba moderna e inovadora, mas com cuidado com o emprego.”

    • João Guilherme NOVO:

“Nós temos chances reais de ganhar essas eleições. É possível, sim, fazer uma política diferente. O futuro da cidade está nas nossas mãos e depende de nós.”

    • Renato Mocelin:

“Qual planeta, qual cidade você deseja para o seu filho. Temos que repensar o modelo da democracia. É preciso reciclar.”

    • Camila Lanes:

“Há alternativa e diferença em Curitiba a esse café com leite.”

  • Marisa Lobo:

“Eu fui isolada neste debate porque sou conservadora.”

  • Francischini

“Quero ser prefeito de Curitiba porque vida dos curitibanos importa: rende e salário, melhorar a saúde e educação. Falta cuidados aos curitibanos.”

Onde teve debate da Band:

  • São Paulo (SP)
  • Rio de Janeiro (RJ)
  • Belo Horizonte (MG)
  • Uberaba (MG)
  • Salvador (BA)
  • Porto Alegre (RS)
  • Curitiba (PR)
  • Maringá (PR)
  • Manaus (AM)
  • Natal (RN)
  • Campinas (SP)