Lula diz que ‘não vai fugir para os EUA’ em referência a Moro

O ex-presidente Lula não deixou barato a informação de que seu algoz, o ex-juiz Sérgio Moro, está de mudança para os Estados Unidos.

Em entrevista ao jornal El País TV, o petista disse que pretende discutir os problemas e ajudar o PT a voltar a governar o Brasil em 2022.

‘Eu não vou fugir para os Estados Unidos’, disse Lula, que logo em seguida desafiou o ex-juiz Moro para um debate.

Lula recordou ainda que, durante audiência de julgamento, disse a Sérgio Moro que ele [juiz] estava “condenado” a contar uma mentira.

“Sobre o Moro, não guardo mágoa. Quem sabe ele seja candidato a vereador em 2056…”, ironizou.

O ex-presidente disse que só quer que reconheçam a canalhice que fizeram com ele. “Porque no frigir dos ovos, sei que vamos ser julgados pela História”, disse.

Quanto à TV Globo, o ex-presidente Lula denunciou que emissora continua censurando o PT.

“O que a Globo faz com o PT tem nome. É censura.”

Você pode assistir aqui a íntegra da entrevista de Lula ao El País TV

Compartilhe agora