Indicação de Jorge Oliveira ao TCU é publicada no Diário Oficial

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) indicou o atual Secretário-Geral da Presidência da República, Jorge Oliveira, para o cargo de ministro do Tribunal de Contas da União (TCU). A indicação foi publicada na edição desta quinta-feira (8) do Diário Oficial da União (DOU).

Oliveira vai substituir o atual presidente do TCU, ministro José Múcio, que decidiu antecipar sua aposentadoria compulsória.

Advogado e major da reserva da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), Oliveira é um dos ministros mais próximos da família Bolsonaro. Ele trabalhou por vários anos como assessor no gabinete do então deputado federal Jair Bolsonaro e do também deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

LEIA TAMBÉM
Pesquisa em São Paulo traz péssima notícia para Bolsonaro

Bolsonaro agradece à Polícia Federal pela ajuda na eleição de 2018

Banco Mundial: 115 milhões serão jogados na extrema pobreza até 2021

Para assumir como ministro do TCU, Oliveira terá de ser sabatinado pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado e ter o nome aprovado pelo plenário da Casa. A sabatina já está marcada para próximo dia 20 de outubro.

Composição do TCU
O TCU é composto por nove ministros: seis são indicados pelo Congresso Nacional, um pelo presidente da República e dois são escolhidos entre auditores e membros do Ministério Público que funciona junto ao tribunal.

Compartilhe agora