Grêmio e Internacional ficam apenas no empate

Compartilhe agora

Em um jogo de grandes emoções no segundo tempo e com um gol para cada lado, o clássico Gre-Nal terminou com duas expulsões.

Grêmio e Inter empataram por 1 x 1, neste sábado (3), na Arena do Grêmio, jogo válido pela 13ª rodada do Brasileirão.

No primeiro tempo deu sono, mas no segundo a história mudou, foi movimentado, e  contou com duas expulsões, Musto, pelo Colorado e Cortez, pelo Tricolor. Além disso teve pênalti para o Internacional.

Pepê logo aos 7 minutos fez um golaço com direito a cavadinha, na saída de Marcelo Lomba, abrindo placar pelo lado Gremista.

O Colorado chegou ao gol de empate com Thiago Galhardo em cobrança de pênalti.

Com o empate de hoje, o Grêmio chega a 14 pontos e a equipe de Renato Gaúcho mantém a sua invencibilidade de mais de dois anos em Gre-Nais. Agora, são 11 clássicos sem perder, com seis vitórias e cinco empates. Contudo, o Tricolor não está bem, ocupa  a 14ª colocação na tabela do Brasileirão, e pode até encerrar a rodada no Z-4.

O Inter é vice-líder, com 22 pontos, aumenta o jejum de vitória no campeonato  e torce por um tropeço do São Paulo para permanecer no segundo lugar.

O Grêmio volta a campo na próxima quarta-feira, às 19h15, quando recebe o Coritiba na Arena do Grêmio. O Inter  enfrenta o Bragantino no Nabi Abi Chedid na quinta-feira, às 21h. As duas partidas são válidas pela 14ª rodada do Brasileirão.

Ficha Técnica Grêmio 1 x 1 Internacional

Data: 03/10/2020 Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Árbitro: Raphael Claus

Auxiliares: Neuza Ines Back e Alex Ang Ribeiro

VAR: Jose Claudio Rocha Filho

Cartões amarelos: Ariel Broggi [auxiliar], Cuesta (INT); Cortez (GRE)

Cartões vermelhos: Musto (INT), Cortez (GRE)

Gols: Pepê, do Grêmio, aos 7 minutos do segundo tempo; Galhardo, do Inter, aos 29 minutos do segundo tempo;

GRÊMIO: Vanderlei; Orejuela, Paulo Miranda, David Braz e Cortez; Lucas Silva (Guilherme Azevedo), Darlan (Luiz Fernando) e Matheus Henrique; Alisson (Robinho), Pepê e Diego Souza (Diogo Barbosa) Técnico: Renato Gaúcho.

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Heitor, Moledo, Cuesta e Uendel; Musto, Edenilson, Boschilia (Pottker) e Patrick; Galhardo e Abel Hernández (D’Alessandro) Técnico: Eduardo Coudet.