Flamengo venceu o Goiás nesta terça-feira e encostou no líder do Brasileirão

Flamengo virou sobre o Goiás no Maracanã e venceu o jogo por 2 a 1; atacante Pedro brilhou e fez os dois gols da equipe carioca.

Flamengo venceu o Goiás por 2 a 1, na noite desta terça-feira (13), no estádio Maracanã, em jogo atrasado da 11ª rodada do Brasileirão.

Para a surpresa de muitos, foi um jogo difícil para o Flamengo.

O time Esmeraldino saiu na frente com Vinícius, aos 13 minutos do primeiro tempo. 

A partir daí, o jogo virou um confronto ataque contra defesa, e depois de muita pressão, Pedro, ainda na primeira etapa, igualou o placar, aos 39 minutos.

O artilheiro, também foi responsável pelo gol da virada, nos acréscimo do segundo tempo e no último lance, Pedro, garantiu a vitória para o Rubro-Negro. 

Com a vitória, o Fla fica com 30 pontos, mesma pontuação que o líder, Atlético-MG. Só ocupa a segunda colocação por conta do número de vitórias (nove contra dez do Galo). 

Por outro lado, nada mudou para o Goiás, que se manteve na lanterna do Brasileirão com 9 pontos conquistados até o momento. 

Próximos jogos de Flamengo e Goiás

O Fla, volta à campo para enfrentar o Bragantino na quinta-feira (15), também no Maracanã.

Já o Goiás, enfrenta o Bahia na Serrinha, na próxima sexta (16).

Ficha técnica Flamengo 2 x 1 Goiás

Competição: Campeonato Brasileiro

Data: 13/10/2020 

Local: Maracanã. no Rio de Janeiro (RJ) 

Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR) 

Assistentes: Rafael Trombeta (PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR) 

VAR: Thiago Duarte Peixoto (SP) 

Cartões amarelos: Filipe Luis (FLA); Keko, Tadeu, Rafael Moura, Caju (GOI) 

Gols: Vinicius, do Goiás, aos 12 minutos do primeiro tempo; Pedro, do Flamengo, aos 38 minutos do primeiro tempo; Pedro, do Flamengo, aos 51 minutos do segundo tempo.

Flamengo: Hugo Souza, Matheuzinho, Gustavo Henrique, Natan e Filipe Luís; Willian Arão, Thiago Maia e Gerson (Lincoln); Michael, Pedro e Bruno Henrique. Técnico: Domènec Torrent 

Goiás: Tadeu, Edílson, David Duarte, Fábio Sanches e Caju; Breno (Ratinho), Daniel Bessa e Shaylon (Douglas Baggio); Keko (Pintado), Rafael Moura e Vinícius. Técnico: Enderson Moreira.

Compartilhe agora