Bolsonaro faz apologia à aglomeração enquanto Trump agoniza nos EUA

Compartilhe agora

O presidente Jair Bolsonaro publicou vídeo nas redes sociais, neste sábado (3), fazendo apologia à aglomeração enquanto seu colega americano Donald Trump agoniza no hospital militar de Walter Reed, perto da capital Washington.

Bolsonaro veiculou em suas plataformas sociais imagens das visitas que fez no fim de semana ao Nordeste.

“Muito obrigado meu Agreste”, escreveu no Twitter.

O presidente Bolsonaro ainda repetiu o bordão da campanha eleitoral de 2018: “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos!”

O problema é que nas imagens exibidas em nenhum momento Bolsonaro aparece com máscara, item obrigatório nesses tempos de inimigo invisível.

Sobre isso, a despreocupação com a segurança sanitária, a edição de hoje do New York Times disse que Trump fazia questão de ressaltar. No primeiro debate presidencial, na terça-feira, por exemplo, o presidente americano ironizou o adversário Joe Biden de usar máscara grande demais.

Segundo o chefe de gabinete da Casa Branca, Mark Meadows, as próximas 48 horas “serão críticas” no enfrentamento à doença.

Enquanto isso, no Brasil, Bolsonaro segue fazendo apologia à ignorância.

Assista ao vídeo:

Trump sob risco, diz New York Times

O New York Times afirma neste sábado (3) que a situação do presidente Donald Trump inspira cuidado e, por isso, ele está internado num hospital.

Segundo o maior jornal do mundo, Trump corre risco extra porque ele tem 74 anos e está acima do peso.

“O presidente tem se gabado de sua saúde e com certeza receberá o melhor atendimento possível, mas carrega uma série de fatores de risco”, registrou.

O Times suspeita de que o presidente Trump estava doente antes mesmo do comunicado pelo Twitter.

Donald Trump, ainda de acordo com a publicação, está tomando medicamente experimental para conter a doença.

O New York Times destaca que o presidente americano desprezou as preocupações em uma variedade de ambientes e ironizou o uso de máscara.